Série D: CBF divulga Regulamento e Plano de Ação

Diretoria de Competições da CBF publicou o Regulamento Específico da Competição (REC) e o Plano Geral de Ação da edição 2017 do campeoanto

Taça do Campeonato Brasileiro da Série D 2015

Créditos: Fernando Torres / CBF

A Diretoria de Competições da CBF publicou os documentos técnicos relativos ao Campeonato Brasileiro Série D 2017. Entre eles estão o Regulamento Específico da Competição (REC) e o Plano Geral de Ação do torneio. A tabela básica e as equipes que disputarão o torneio foram divulgadas no início do mês de março.

A definição das equipes que compõem a competição foi definida por meio de critérios técnicos, de acordo com o Ranking Nacional de Federações (RNF) 2017: quatro vagas para a federação melhor colocada, três vagas para as federações que ocupam entre a segunda e a nona posição e duas vagas para as demais; completam a lista os quatro clubes rebaixados na Série C em 2016.  

O sistema de disputa da Série D consiste em 17 grupos de quatro clubes cadaAvançam para a Segunda Fase os primeiros de cada grupo e os 15 melhores segundos colocados, em soma de 32 clubes. A partir desta etapa, a competição é disputada em sistema de mata-mata, com mais cinco fases até a definição do título.

Anexos

  • Ofício de divulgação dos Documentos Técnicos - Série D 2017

  • REC - Regulamento Específico da Competição - Série D 2017

  • PGA - Plano Geral de Ação - Série D 2017

PATROCINADORES

Futebol Brasileiro