Com boa vantagem, Janeudo pede ‘pés no chão’ ao Ferroviário por título

Com boa vantagem, Janeudo pede ‘pés no chão’ ao Ferroviário por título

Autor de um dos gols da vitória por 3 a 0 sobre o Treze no jogo de ida da decisão, meia quer que Ferrão mantenha concentração para duelo da volta

Com boa vantagem, Janeudo pede ‘pés no chão’ ao Ferroviário por título

Créditos: Lucas Figueiredo/CBF

O Ferroviário-CE saiu na frente do Treze-PB em busca do tão sonhado título de campeão da Série D do Campeonato Brasileiro 2018. Em casa, no Castelão, o Ferrão venceu o duelo de ida da decisão por 3 a 0 e poderá empatar ou perder por até dois gols de diferença que ficará com o troféu da competição nacional, algo inédito nos seus 85 anos de história. Apesar da larga vantagem, o time de Fortaleza (CE) não quer deixar uma possível euforia atrapalhar os planos. 

Autor de um dos gols da vitória da noite da última segunda-feira (30), Janeudo deu a receita aos companheiros. Em entrevista ao site da CBF logo após a partida, o meia fez questão de alertar os companheiros. 

– Esperamos manter os “pezinhos” no chão, não ganhamos nada ainda. Lá (em Campina Grande) vai ter um caldeirão, porque sabemos que são um grande time, tem uma grande torcida, mas esperamos concretizar com o título e coroar esse ano maravilhoso – destacou.

A vitória do Ferroviário sobre o Treze teve sabor ainda mais especial para Janeudo por conta do gol marcado. Emocionado com o tento, ele descreveu a emoção por balançar a rede em uma final de Campeonato Brasileiro e dividiu os méritos com os companheiros de equipe. 

– Foi um gol que eu fiquei muito feliz. Em uma final, uma grande decisão… Deus vem me honrando grandemente em jogos decisivos. Tenho de dar toda honra e toda glória para Ele. Exaltar o trabalho que a equipe vem fazendo. Sem eles, eu não seria nada. Estou apenas dando uma pequena parcela de contribuição para esse grande elenco – acrescentou.

O segundo e decisivo confronto da Série D 2018 será no próximo sábado (4), às 18h30 (de Brasília), no Estádio Amigão, em Campina Grande (PB). Apesar a derrota, a torcida do Treze promete grande festa para conduzir o time ao que já chamam de virada histórica. Vai pegar fogo! 

PATROCINADORES

Futebol Brasileiro