Mesmo com empate, Baia mantém fé: 'Está zero a zero'

Mesmo com empate, Baia mantém fé: 'Está zero a zero'

Lateral do Operário lamentou resultado, mas mantém confiança nas chances do Fantasma

Primeira partida da final entre Operário e Cuiabá pelo Campeonato Brasileiro Série C

Créditos: José Tramontin/OFEC

O estádio Germano Kruger estava lotado, mas não foi dessa vez que o Operário conseguiu derrotar o Cuiabá. Com um gol no fim, marcado por Robinho, os donos da casa empataram com os matogrossenses. Com o resultado, o Fantasma precisa ganhar na Arena Pantanal para sair com o título da Série C.

Um dos líderes do elenco, o lateral Danilo Baia lamentou o empate por 3 a 3, mas mostrou confiança nas chances do Operário em Cuiabá.

— Foi um jogo bom, digno de final de campeonato. Infelizmente, poderíamos sair com a vitória hoje. Tivemos um pouco de desatenção no começo do segundo tempo, eles acabaram empatando e virando. No fim, conseguimos o empate. Mas tudo bem, está zero a zero — avaliou.

Segundo Baia, depois que o Operário foi para o intervalo vencendo por 2 a 0, o técnico Gerson Gusmão ficou preocupado. Durante o tempo no vestiário, frisou a importância de não relaxar, para não deixar o Cuiabá entrar no jogo. Essa orientação, porém, não foi muito bem seguida pelos atletas.

— O Gerson (Gusmão) falou para a gente voltar mais atento e mais ligado. Mas voltamos um pouco desatentos e tomamos os gols. Graças a deus conseguimos reagir e o empate. Agora vamos decidir em Cuiabá — finalizou.

PATROCINADORES

Futebol Brasileiro Mastercard GOL CIMED SEM TCL FIAT English Live Ultrafarma Technogym Statsports