Guarani vence o Confiança e se aproxima do G-4 da Série B

Guarani vence o Confiança e se aproxima do G-4 da Série B

Com gol de Murilo Rangel, Bugre supera o Dragão por 1 a 0 no Brinco de Ouro e fica bem perto dos quatro primeiros

De pênalti, Murilo Rangel fez o gol da vitória do Guarani sobre o Confiança De pênalti, Murilo Rangel fez o gol da vitória do Guarani sobre o Confiança
Créditos: Thomaz Marostegan/Guarani FC

O Bugre segue na disputa pelo acesso na Série B. Na noite desta quarta-feira (16), o Guarani recebeu o Confiança, no Brinco de Ouro, balançou as redes com Murilo Rangel e venceu por 1 a 0, ficando a três pontos do G-4. Já na outra partida da noite, também pela 29ª rodada, Chapecoense e Náutico empataram por 0 a 0 na Arena Condá. 

+Veja a classificação completa da Série B do Brasileiro

Guarani 1 x 0 Confiança 

No Brinco de Ouro, em Campinas (SP), o Bugre teve mais volume de jogo na etapa inicial, chutou mais e foi premiado com o 1 a 0 antes do intervalo.

O gol aconteceu logo aos 24 minutos. Pablo foi derrubado por Silva na área. Pênalti para o Bugre. Na cobrança, Murilo Rangel soltou uma bomba e não deu chances ao goleiro Rafael Santos.

Já na volta do intervalo, na marca dos dois minutos, Lucas Crispim arriscou de longe e quase fez o segundo do Bugre. O Dragão respondeu em seguida, aos 13, quando Guilherme Castilho soltou verdadeiro foguete, obrigando Gabriel Mesquita a fazer grande defesa.

Mas, ao apito final, o Guarani segurou o 1 a 0 e celebrou, em casa, a 12ª vitória na Série B do Campeonato Brasileiro. O resultado deixa o Guarani na oitava colocação, com 43, a três pontos do G-4. Já o Confiança está em 11º, com 39.

Chapecoense 0 x 0 Náutico

Chapecoense e Náutico não movimentaram o placar da Arena Condá Chapecoense e Náutico não movimentaram o placar da Arena Condá
Créditos: Dinho Zanotto/AGIF

Placar zerado e duelo equilibrado na etapa inicial na Arena Condá. Foi 56% de posse de bola da Chape contra 44% do Timbu, que finalizou nove vezes, contra oito da Chapecoense.

Logo na volta do intervalo, Paiva arriscou chute de primeira, rasteiro, mas João Ricardo defendeu para a Chapecoense.

Mas, aos poucos, a Chapecoense foi se soltando mais na partida. Aos 19, Anselmo Ramon recebeu na área, girou e bateu rasteiro. A bola passou raspando na trave do goleiro Anderson. 

O duelo passou a ficar morno na segunda metade da etapa final. No fim, as redes da Arena Condá não balançaram na noite desta quarta-feira (16).

Mesmo com o empate, a Chapecoense ainda lidera a Série B, com 58 pontos. O Timbu aparece na 19ª posição, com 29 somados.

 

 

PATROCINADORES

Futebol Brasileiro NIKE GUARANÁ ANTÁRTICA VIVO ITAÚ MASTERCARD GOL CIMED SEMP TCL FIAT PAGUE MENOS 3 CORAÇÕES TECHNOGYM STAT SPORTS