Prêmio Brasileirão 2016: Gabriel Jesus, Palmeiras

Prêmio Brasileirão 2016: Gabriel Jesus, Palmeiras

Jovem foi um dos pilares do Palmeiras na conquista do Brasileirão 2016

Prêmio Brasileirão 2016 - Ricardo Stuckert/CBF

 

Com máscara de porco e olhos cheios d’água, Gabriel Jesus se despediu do Palmeiras após o jogo contra a Chapecoense. A partida, que definiu o nono título Brasileiro do clube, foi a última de Gabriel pelo Palmeiras no Brasileirão. E se o Alviverde pôde levantar a taça depois do apito final, muito se deve a ele.

– Eu fico muito contente, muito feliz de estar sendo escolhido nestes prêmios. Agradeço aos votos e isso é reflexo do meu trabalho e dou muito valor principalmente aos meus companheiros, que me ajudaram a chegar onde cheguei hoje – afirmou o atleta, que também alcançou a glória máxima com a Seleção Olímpica, sendo medalha de ouro nas Olimpíadas deste ano.

– Se tratando de Seleção sempre irei ficar contente e feliz, porque aqui é um lugar bom de estar e todos os momentos que vesti esta camisa foram de muito aprendizado e muita glória – afirmou Gabriel Jesus.

Peça-chave na conquista, Gabriel terminou a competição como artilheiro do Palmeiras, com 12 gols. Se não bastasse isso, o atacante ainda distribuiu cinco assistências. Isso tudo ainda aos 19 anos de idade.

E não foi só na quantidade que Jesus foi importante para o Palmeiras. Gabriel deixou sua marca nos confrontos contra Flamengo e Atlético-MG, dois dos principais rivais do clube na luta pelo título. Com um retrospecto desse, não é difícil entender porque Jesus está entre os 11 escolhidos do Prêmio Brasileirão 2016.

PATROCINADORES

Futebol Brasileiro