Prêmio Brasileirão 2018: Lucas Paquetá, do Flamengo, é eleito melhor meia

Prêmio Brasileirão 2018: Lucas Paquetá, do Flamengo, é eleito melhor meia

Lucas Paquetá, do Flamengo, foi eleito um dos melhores meias do Campeonato Brasileiro 2018

Lucas Paquetá - Prêmio Brasileirão 2018

Créditos: Lucas Figueiredo/CBF

Uma velha expressão que reina na Gávea diz que craque o Flamengo faz em casa. Não foi diferente com Lucas Paquetá. O meia assumiu o protagonismo do Rubro-Negro ao longo do Brasileirão deste ano e, não por menos, acabou eleito para a seleção do Campeonato Brasileiro.

Com 10 gols marcados no Brasileirão, o meia se destacou pela habilidade e pela versatilidade. Atuou em diferentes posições pelo Fla e mostrou qualidade em todas elas. Seja como meia mais avançado, na construção das jogadas ou como atacante central, Paquetá se destacou por onde passou dentro de campo.

Não foi à toa que chamou a atenção da Seleção Brasileira. O meia foi um dos jogadores do Brasileirão que foram convocados pelo técnico Tite durante as três datas FIFAs após a Copa do Mundo. Entrou no amistoso contra El Salvador, nos Estados Unidos.

Dentro de campo, Paquetá representou a juventude e a alegria do torcedor rubro-negro. Seus gols foram comemorados com danças e irreverência. Faz parte da personalidade de um jovem que ainda dá seus primeiros passos no futebol, mas que já mostra muito talento. Por isso, Paquetá conquistou tanto a torcida do Flamengo. Por isso,seu futebol brilhou tanto, a ponto de ser escolhido para o Prêmio Brasileirão 2018.

— Um ano muito especial pra mim, um ano de afirmação na equipe do Flamengo de titular. Podendo estar fazendo um bom campeonato brasileiro, ajudando o Flamengo a brigar pelo titulo, apesar de não ter conquistado. Vale ficar guardado toda temporada que fizemos e estou muito feliz de estar aqui recebendo esse prêmio - avaliou o meia do Flamengo. 

O Prêmio Brasileirão é a cerimônia de entrega de troféus aos melhores do campeonato. No masculino, a eleição online é realizada com cerca de 10 mil profissionais de imprensa, capitães e treinadores dos 20 clubes, além de jogadores e comissão técnica da Seleção Brasileira. São 11 troféus para os atletas mais votados por posição, melhor técnico, artilheiro, revelação, craque do Brasileirão, craque da galera (escolha pelo Globoesporte.com), gol mais bonito (apontado pelos torcedores pelo Facebook da CBF), fair play, melhor árbitro e dois assistentes.

Neste ano, o Brasileiro Feminino A-1 também premiará as 11 jogadoras do time ideal, melhor treinador ou treinadora, artilheira, craque, revelação e fair play. Também está prevista a categoria Não é Só Futebol, que será destinada a uma atitude que transcende o campo de jogo, e uma grande homenagem da noite a um ídolo do futebol.

PATROCINADORES

Futebol Brasileiro NikeItaúVIVOGuaraná AntárticaMastercardGOLGrupo CIMEDSEMP TCLFIATUltrafarmaEnglish LiveTechnogymStatsports3 Corações