Prêmio Brasileirão 2018: Geromel, do Grêmio, é escolhido melhor zagueiro

Prêmio Brasileirão 2018: Geromel, do Grêmio, é escolhido melhor zagueiro

Zagueiro do Grêmio teve mais uma ótima temporada e está na seleção da competição pela terceira vez consecutiva

Pedro Geromel - Prêmio Brasileirão 2018

Créditos: Lucas Figueiredo/CBF

Pedro Geromel está na história dos maiores do Grêmio. O zagueiro foi um dos pilares do Imortal em mais uma temporada e viveu um ano incrível na carreira. Um dos fatos que ratifica tal afirmação é que o defensor tricolor está pela terceira vez consecutiva na seleção do Prêmio Brasileirão 2018.

Aos 33 anos, Geromel garantiu a vaga na equipe dos sonhos do Brasileirão mais uma vez. O defensor garante uma dupla gaúcha ao lado de Victor Cuesta, do Internacional.

– Muito feliz de estar nesta festa maravilhosa. Só me impulsiona a querer estar aqui no próximo ano também! Gostaria de compartilhar essa sensação com meus companheiros de Grêmio, a quem eu estou aqui representando. Divido todos os méritos com o grupo. É uma sensação maravilhosa!  – comentou. 

Os números de Geromel no Campeonato Brasileiro impressionam. O zagueiro mostra ótima marca, por exemplo, no quesito troca de passes, com 90,3% de acerto. Além disso, teve 95 interceptações e média de 13,11 recuperações de posse de bola por jogo.

Geromel teve importância não só no Brasileirão, mas também na campanha do Grêmio na Taça Libertadores da América, quando a equipe foi até as semifinais. O zagueiro ainda viveu o maior momento da carreira: disputou a Copa do Mundo FIFA Rússia 2018 pela Seleção Brasileira. Ano inesquecível para ele.

O Prêmio Brasileirão é a cerimônia de entrega de troféus aos melhores do campeonato. No masculino, a eleição online é realizada com cerca de 10 mil profissionais de imprensa, capitães e treinadores dos 20 clubes, além de jogadores e comissão técnica da Seleção Brasileira. São 11 troféus para os atletas mais votados por posição, melhor técnico, artilheiro, revelação, craque do Brasileirão, craque da galera (escolha pelo Globoesporte.com), gol mais bonito (apontado pelos torcedores pelo Facebook da CBF), fair play, melhor árbitro e dois assistentes.

Neste ano, o Brasileiro Feminino A-1 também premiará as 11 jogadoras do time ideal, melhor treinador ou treinadora, artilheira, craque, revelação e fair play. Também está prevista a categoria Não é Só Futebol, que será destinada a uma atitude que transcende o campo de jogo, e uma grande homenagem da noite a um ídolo do futebol.

PATROCINADORES

Futebol Brasileiro NikeItaúVIVOGuaraná AntárticaMastercardGOLGrupo CIMEDSEMP TCLFIATUltrafarmaEnglish LiveTechnogymStatsports3 Corações