De cara nova, Atlético-GO quer mudar imagem de últimas participações no Brasileirão Assaí 2020

De cara nova, Atlético-GO quer mudar imagem de últimas participações no Brasileirão Assaí 2020

De cara nova, dentro e fora das quatro linhas, o Atlético Goianiense quer deixar o retrospecto negativo de lado e surpreender no Brasileirão Assaí 2020

O Atlético Goianiense trocou o seu escudo para a temporada de 2020. E após a mudança de design fora das quatro linhas, o clube pretende seguir o mesmo caminho nos gramados: abandonar a antiga imagem deixada nas últimas campanhas no Brasileirão Assaí e fazer bonito nesta edição.

Essa é a quinta participação do Rubro-negro na Série A nos últimos dez anos e é justamente a essa gangorra que o clube quer dar fim. No entanto, se engana quem pensa que será uma tarefa fácil. Afinal de contas, o Dragão perdeu seus dois maiores goleadores de 2019 após a disputa da série B no ano passado: Mike, que se transferiu para o rival Goiás, e Pedro Raul, que deixou o clube para reforçar o Botafogo.  

Mas para superar as adversidades o Atlético Goianiense aposta suas fichas na reformulação do sistema ofensivo e na manutenção da defesa – a segunda menos vazada da série B de 2019, com apenas 29 gols sofridos. Para tocar este ousado projeto, o Dragão trouxe o experiente Vagner Mancini, que terá a tarefa de comandar o time.

Atlético Goianiense

Melhor campanha: 6º lugar (1968)
Posição no Brasileirão 2019: 4º (na série B)
Presidente: Adson Batista
Estádio: Antônio Accioly (Goiânia)
Mascote: Dragão

Falamos com: Renato Kayzer

Copa do Brasil 2020 - Atletico-GO x Santa Cruz Renato Kayzer comemora gol pelo Atlético Goianiense
Créditos: Heber Gomes

"Temos tudo para surpreender no Brasileirão"

 

- O que podemos esperar do Atlético-GO no Brasileirão Assaí 2020
Nós estávamos com uma boa sequência de vitórias antes da pausa. Esperamos fazer um grande campeonato. Nossa equipe tem muita fome de vencer, jogamos para frente. Temos tudo para surpreender no Brasileirão. Espero que isto possa se concretizar dentro de campo.

- Qual deve ser o maior desafio para o clube neste campeonato?
O Atlético-GO é uma equipe grande, assim como todas as outras que disputam o Brasileirão. O nosso primeiro objetivo é a permanência na Série A, que é a competição mais importante no cenário nacional. Precisamos fazer jogos conscientes e sólidos, para não perdermos pontos bobos. Vamos valorizar o nosso mando de campo, para ir atrás de pontos fora de casa. Fazendo isso, acredito que consigamos ficar na primeira divisão.

-O que tem sido feito de diferente nessa preparação para romper com a instabilidade do clube dentro da Série A nos últimos anos?
Nós temos estrutura de Série A. Acredito que nos anos de rebaixamentos, os erros tomaram conta, mas o clube aprendeu. O Atlético evoluiu em muitos aspectos, como: qualidade de treino, profissionais mais capacitados e elenco qualificado. Dessa vez, o time tem tudo para surpreender muita gente e fazer um grande ano, buscando voos mais altos.

Palpite dos especialistas


Márcio, ídolo do Atlético-GO

“O Atlético-GO chega com uma equipe equilibrada e competitiva. Sem nomes de referência, mas com um padrão de jogo definido e pode incomodar. Eu diria que o principal ponto a favor é o bom condicionamento físico dos jogadores. O objetivo é a permanência na Série A, principalmente por conta de ser um ano atípico em virtude da pandemia.”

Nathália Freitas, repórter da Rádio Sagres

“O Atlético-GO tem a menor receita de todos os participantes do Brasileirão. Apesar disso, o clube se organiza fora do campo, para colher os frutos nos resultados. Nos últimos 10 anos, o Dragão vai para a sua quinta participação, então o foco é a permanência, para buscar uma regularidade na primeira divisão. Eu vejo totais condições do Atlético-GO alcançar este objetivo, principalmente pela organização interna que é muito boa.”

Victor Hugo Araújo, jornalista da TV Anhanguera

"O Atlético-GO fez contratações pontuais para reforçar o grupo que terminou a Série B na quarta colocação, como exemplo: a chegada do Kayzer. A mudança do escudo também traz uma cara nova ao clube e eleva a moral com o torcedor. O objetivo é uma vaga na Sul-Americana."

Análise tática


Como chega o Atlético-GO para a disputa do Brasileirão Assaí? Nas redes sociais, o @brasileirao, em parceria com o @Footure, destrinchou um pouco de como o Dragão gosta de jogar, os principais destaques do clube e os números do time no ano.

A análise de Henrique Letti aponta o desafio de Vagner Mancini em manter o recente sucesso do Dragão em competições regionais, agora no Brasileirão Assaí 2020. Dono de um estilo ofensivo extremamente objetivo - segundo time que menos troca passes até uma finalização na Série A -, o Rubro-Negro aposta suas fichas no artilheiro Renato Kayser, reforço da temporada. Já no sistema defensivo, com a adoção de uma formação 4-1-4-1, o clube goiano tem no volante Edson a figura que passa segurança à frente da zaga e mantém a zaga protegida.

Clique aqui e confira a análise tática completa do Atlético-GO no site do Footure.

 
 
 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Bom dia, galera! É hora de conferir o retrospecto do Dragão no ano até o momento. Fala aí, torcedor... Quais são as suas expectativas para a minha disputa? #BRACG @ACGOficial

Uma publicação compartilhada por Brasileirão Assaí (@brasileirao) em

PATROCINADORES

Futebol Brasileiro Nike Itaú VIVO Guaraná Antártica Mastercard GOL CIMED Semp TCL FIAT 3 Corações Techno GYM STAT Sports