Começa o Brasileirão Betano 2024: o campeonato mais competitivo do mundo

Começa o Brasileirão Betano 2024: o campeonato mais competitivo do mundo

Vinte equipes vão disputar a partir deste sábado (13) a competição com 38 rodadas em sistema de turno e returno; meta é superar a marca de 10 milhões de torcedores

Apresentação da Betano como nova detentora do naming rights do Brasileirão Apresentação da Betano como nova detentora do naming rights do Brasileirão
Créditos: Joilson Marconne/CBF

Depois de estabelecer no ano passado o recorde de público da história, o Brasileirão Betano começará neste sábado (13) a edição de 2024 com novidades para o torcedor e quatro jogos com previsão de estádios lotados pelo pais.

A partir das 18h30, o Criciúma enfrentará o Juventude, no Heriberto Hulse, e o Internacional vai duelar com o Bahia, no Beira-Rio; Mais tarde, às 21h, o São Paulo jogará contra o Fortaleza, no MorumBIS, e o Fluminense enfrentará o Red Bull Bragantino, no Maracanã.

"O Campeonato Brasileiro é a maior festa do nosso futebol. Trabalhamos para fazer uma outra edição histórica da competição mais disputada do futebol. O Brasileirão 2024 terá muita emoção, estádios lotados e novidades para os milhões de torcedores que vão lotar os estádios por todo o país", afirmou o presidente da CBF, Ednaldo Rodrigues.

Torcida - Cruzeiro Torcida do Cruzeiro mostra sua força no Mineirão
Créditos: Staff Images / Cruzeiro

Campeonato mais equilibrado do mundo


Repleto de equipes tradicionais, grandes torcidas e elencos fortes, o Brasileirão 2024 será marcante. Das 20 equipes, 13 já se sagraram campeãs nacionais: Athletico-PR, Atlético Mineiro, Bahia, Botafogo, Corinthians, Cruzeiro, Flamengo, Fluminense, Grêmio, Internacional, Palmeiras, São Paulo e Vasco.

Entre as quatro equipes que retornaram à elite do futebol brasileiro, Vitória, Criciúma e Atlético Goianiense conquistaram seus respectivos estaduais, enquanto o Juventude chegou à final do Campeonato Gaúcho.

Além do título, a Série A também vale vaga nas principais competições sul-americanas. Para a Libertadores, classificam-se os primeiros seis colocados, sendo que o G-4 carimba a passagem diretamente para a fase de grupos. Da Sul-Americana, por sua vez, participarão os clubes entre a sétima e a 12ª posição. A ordem pode variar se times brasileiros conquistarem a Libertadores, Sul-Americana ou a Copa do Brasil e estiverem em uma das posições classificatórias.

"O equilíbrio é a marca do Campeonato Brasileiro, que terá disputa acirrada até a última rodada. Além do títulos, a disputa também será intensa pelas vagas para a Libertadores, para a Sul-Americana e para não cair. Será uma edição fantástica", prevê Ednaldo Rodrigues.  

Torcida - Vitória Torcida do Vitória em festa no Barradão
Créditos: Victor Ferreira/EC Vitória

Meta: ultrapassar os 10 milhões de torcedores


A expectativa dos clubes e da CBF é estabelecer mais um recorde de público para a competição. Com mais de 9,7 milhões pelos estádios do Brasil, a edição 2023 teve a melhor média de público da história. O Brasileiro terminou em dezembro com a média de 26.519 por partida e ultrapassou o recorde que pertencia a edição de 1983, com 22.953 por jogo. A média do ano passado representa um salto de 22,5% do público pagante em relação à temporada 2022, que recebeu 21.646 a cada confronto.

Torcida - São Paulo Torcida do São Paulo lotou o MorumBIS em 2023 pelo Brasileirão
Créditos: Rubens Chiri/Saopaulofc.net

Prêmio Roberto Dinamite


Neste ano, a CBF instituiu o Troféu Roberto Dinamite em homenagem ao maior artilheiro da histórica da competição, com 190 gols.

A partir deste ano, a honraria será entregue anualmente ao artilheiro do Campeonato Brasileiro da Série A, que também receberá um prêmio em dinheiro, que pode crescer a cada rodada.

A premiação começa com R$ 100 mil, mas o valor vai crescer a cada gol. A CBF pagará R$ 5 mil por cada tento marcado pelo artilheiro no final da competição.  

Um ano sem Roberto Dinamite Ídolo do Vasco, Roberto Dinamite será homenageado em prêmio ao artilheiro do Brasileirão
Créditos: Divulgação

O clube a que pertencer o goleador também receberá um troféu com menção a Dinamite.

"Esse prêmio faz parte do compromisso da CBF em manter vivo o legado dos grandes craques do nosso futebol", afirmou Ednaldo Rodrigues, que instituiu a premiação em março atendendo o pedido dos familiares do ex-jogador, do Vasco da Gama e da Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro (FERJ).

Roberto Dinamite é o maior artilheiro da história do Campeonato Brasileiro, com 190 gols, e também do Campeonato Carioca, com 284 gols. Foi o jogador que mais gols marcou no Estádio de São Januário: 184. Ele também ostenta o título de maior artilheiro da história do Vasco, pelo qual fez 708 gols.

O craque, que defendeu a Seleção Brasileira nas Copas do Mundo de 1978 e 1982 e marcou 25 gols em 47 jogos, faleceu em 8 de janeiro de 2023, vítima de um tumor no intestino.

Torcida - Vasco Torcida do Vasco foi importante para a permanência do clube na elite do futebol brasileiro
Créditos: Matheus Lima/Vasco

Estrangeiros


A partir desta edição, os clubes poderão inscrever até nove jogadores de fora do país. Até o ano passado, o limite era de sete atletas estrangeiros por clube. A ampliação foi um pedido dos clubes acatado no Conselho Técnico da CBF.

Torcida - Bahia Torcida do Bahia é conhecida pela atmosfera criada na Arena Fonte Nova
Créditos: Tiago Caldas /EC Bahia

Árbitros vão explicar as decisões do VAR


O Brasileiro Betano 2024 terá novidade também na arbitragem. A partir da rodada de abertura, os árbitros vão explicar as decisões revisadas pelo VAR para os torcedores presentes nos estádios. Os anúncios serão feitos pelo microfone que os árbitros já usam. A novidade vai ser colocada em prática nos jogos transmitidos pela TV aberta. Os confrontos entre Vasco e Grêmio, em São Januário, e Corinthians e Atlético-MG, na Neo Química Arena, ambos às 16h, serão os primeiros a contar com a nova tecnologia. 

"A CBF já trabalha com o telão ao vivo das revisões, com as linhas virtuais no telão e na televisão. Essa novidade é um respeito para quem está nas arquibancadas e para quem está assistindo pela televisão. É esclarecedor e dá mais credibilidade para a figura do árbitro. Além da transparência, revelar as decisões, humaniza a figura do árbitro e dá a ele o poder de explicação para que as pessoas entendam desde quando ele toma a decisão final", disse o presidente da Comissão de Arbitragem da CBF, Wilson Seneme.

Torcida - Grêmio Torcida do Grêmio apoia o time na Arena
Créditos: Lucas Uebel/Grêmio FBPA

Primeira rodada:


13 de abril (sábado)

Criciúma x Juventude – 18h30 – Heriberto Hulse (SC)

Internacional x Bahia – 18h30 – Beira-Rio (RS)

São Paulo x Fortaleza - 21h – Morumbi (SP)

Fluminense x Red Bull Bragantino – 21h – Maracanã (RJ)

14 de abril (domingo)

Vasco x Grêmio – 16h – São Januário (RJ)

Corinthians x Atlético-MG – 16h – Neo Química Arena (SP)

Athletico-PR x Cuiabá – 16h – Ligga Arena (PR)

Atlético-GO x Flamengo – 16h – Serra Dourada (GO)

Cruzeiro x Botafogo – 17h – Mineirão (MG)

Vitória x Palmeiras – 18h30 – Barradão (BA)

PATROCINADORES

Futebol Brasileiro Nike Guaraná Antartica Vivo Itaú Neoenergia Mastercard Gol Cimed Pague Menos TCL Semo Technogym Core Laser Mectronic Kin Analytics