Com time mudado, Goiás quer repetir boa campanha no Brasileirão Assaí 2020

Com time mudado, Goiás quer repetir boa campanha no Brasileirão Assaí 2020

Após perder jogadores fundamentais para a boa campanha de 2019, o Alviverde investe na reformulação do elenco para manter o sarrafo elevado no Brasileirão Assaí 2020


A campanha do Goiás no no Campeonato Brasileiro do ano passado surpreendeu muita gente. Dono de um futebol ofensivo e envolvente, o Verdão revelou bons jogadores e terminou na 10ª colocação da competição. Para o Brasileirão Assaí 2020, o desafio deve ser ainda maior, já que o time comandado por Ney Franco perdeu peças importantes do elenco.

O atacante Michael, eleito Revelação do Campeonato Brasileiro, deixou o clube rumo ao Flamengo e é a principal baixa do Goiás para o Brasileirão. Mas o elenco contou com a chegada de reforços conhecidos, como o atacante Victor Andrade e o experiente volante Sandro.

Além das caras novas, o Verdão conseguiu manter jogadores cascudos em competições nacionais, que fizeram parte de seu bom desempenho no ano passado, como o zagueiro Rafael Vaz e o atacante Rafael Moura. É com essa receita que o Goiás chega para o Brasileirão Assaí 2020 - buscando surpreender e alçar voos ainda maiores do que na temporada anterior.

Goiás

Melhor campanha: 3º lugar (2005)
Posição no Brasileirão 2019: 10º
Presidente: Marcelo Almeida
Estádio: Serra Dourada (Goiânia)
Mascote: Periquito

Falamos com: Victor Andrade

Goiás perde para o Sol de América em estreia na Sul-Americana Victor Andrade em ação pelo Esmeraldino
Créditos: Divulgação/Conmebol

"A gente pode voltar ainda melhor"

 

- O que podemos esperar do Goiás no Brasileirão Assaí 2020?
Acho que temos uma base sólida, já tínhamos isso antes da pandemia. É o mesmo grupo. Nós voltamos com um trabalho muito bom, muita intensidade. A gente pode voltar ainda melhor do que paramos, com mais intensidade.

- Qual deve ser o maior desafio para o clube neste campeonato?
Não só o nosso desafio, mas o de todos, que é jogar sem torcida, sem aquele clima do jogo. Nós jogadores adoramos esse ambiente de torcida, de rivalidade, então esse é o fator que vai pesar um pouco para todos, não só para o Goiás.

- O Goiás conseguiu uma boa campanha no campeonato passado, com uma das cinco menores médias de idade do elenco. A ideia de manter um grupo jovem é a fórmula para o sucesso? Como conseguir ir longe com uma base tão modificada?
No ano passado fizemos uma grande campanha, conquistamos a classificação para a Copa Sul-Americana. Este ano permanecemos com a mesma comissão e o mesmo treinador, que é o Ney Franco. Ele tem uma ideia muito boa de trabalho para o grupo e também individual.

Palpite dos especialistas


Harlei, ídolo do Goiás

“O Goiás chega para disputar o Campeonato Brasileiro com um time que foi reformulado. Porém, com peças importantes e experientes. O grande objetivo é sempre tentar chegar novamente à Libertadores, feito alcançado na sua melhor campanha, em 2005. Mas caso não seja possível, o foco é uma vaga na Sul-americana. Toda a mudança no elenco faz parte do mercado do futebol, é normal”

Victor Hugo Araújo, jornalista da TV Anhanguera

“O Goiás vem de uma ótima Série A no ano passado. Algumas peças que chegaram se encaixaram bem no time. A permanência do goleiro Tadeu e do atacante Rafael Moura são forças da equipe. O objetivo é uma vaga na Sul-Americana”.

Alex Rodrigues, repórter da Rádio CBN Goiânia

"Há muita expectativa no Goiás, por causa da excelente campanha no ano passado. Apesar da saída de algumas peças importantes, a diretoria foi atrás de novos jogadores para reforçar o elenco, como o Jara. Com isso, a média de idade aumentou um pouco em relação ao último campeonato, fazendo a experiência ser um diferencial para o time. A meta principal é a permanência na Série A, depois disso é caminhar para uma vaga na Sul-Americana".

Análise tática


Como chega o Goiás para a disputa do Brasileirão Assaí? Nas redes sociais, o @brasileirao, em parceria com o @Footure, destrinchou um pouco de como o Esmeraldino gosta de jogar, os principais destaques do clube e os números do time no ano.

A análise de Henrique Letti explicita a necessidade de estabelecer um formato de jogo para o Esmeraldino. Totalmente repaginada, a equipe goiana conta com a manutenção do técnico Ney Franco para encaixar os jovens talentos com os reforços de jogadores mais rodados no futebol internacional, como o volante Sandro. Com a figura de Rafael Moura no comando ataque, o Verdão pretende adotar um jogo de mais profundidade com seus laterais e, principalmente, com seus pontas Keko e Victor Andrade a fim de explorar a presença de área de 'He-man'.

Clique aqui e confira a análise tática completa do Goiás no site do Footure.

 
 
 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 

É hora de conferir o retrospecto do Verdão no ano até o momento. E aí, torcedor esmeraldino.. Quais são as suas expectativas para a minha disputa? #BRGOI @GoiasOficial

Uma publicação compartilhada por Brasileirão Assaí (@brasileirao) em

PATROCINADORES

Futebol Brasileiro Nike Itaú VIVO Guaraná Antártica Mastercard GOL CIMED Semp TCL FIAT 3 Corações Techno GYM STAT Sports