Brasileirão 2016 - 12ª rodada: o que rolou?

Brasileirão 2016 - 12ª rodada: o que rolou?

A média de gols da 12ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série A foi a maior registrada nos últimos cinco anos: 37 bolas na rede, média de 3,7 por jogo

Gabriel Jesus, Palmeiras Gabriel Jesus, Palmeiras
Créditos: Cesar Greco/Palmeiras

A média de gols da 12ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série A foi a maior registrada nas últimas cinco temporadas: 37 bolas na rede, média de 3,7 por jogo. A última vez que uma rodada terminou com média maior foi no dia 31 de agosto de 2011, na 20ª rodada, com 38 gols. O Palmeiras foi a equipe que mais contribuiu para o número expressivo da rodada, que não teve empate. O Verdão goleou o Figueirense por 4 a 0 e manteve-se como o time de ataque mais positivo da competição. Ao todo, são 26 gols. Entre eles, nove são Gabriel Jesus. O jovem atacante, convocado para a Seleção Olímpica nesta semana, assumiu a artilharia isolada do Brasileirão. Confira outros números do campeonato após o fechamento da rodada:

 

120 partidas

65 vitórias do mandante (54,1%)
27 vitórias do visitante (22,5%)
28 empates (23,4%)

 

314 gols

188 gols do mandante
126 gols do visitante

142 gols no 1º tempo
172 gols no 2º tempo

20 gols nos acréscimos

25 gols de pênalti
9 gols de falta
8 gols contra

 

Cartões

540 amarelos
Mais cartões amarelos: 38 (Internacional) 
Menos cartões amarelos: 16 (Flamengo)  

33 vermelhos
Mais cartões vermelhos: 5 (Cruzeiro)

 

Ataque
Mais positivo: 26 gols (Palmeiras)
Menos positivo: 9 gols (América Mineiro) 
Artilheiro: 9 gols (Gabriel Jesus – Palmeiras )

 

Defesa
Menos vazada: 10 gols (Corinthians)
Mais vazada: 20 gols (América-MG, Botafogo e Chapecoense)

PATROCINADORES

Futebol Brasileiro Nike Itaú VIVO Guaraná Antártica Mastercard GOL CIMED Semp TCL FIAT 3 Corações Techno GYM STAT Sports