Apesar de derrota, Corinthians tem melhor defesa no primeiro turno do Brasileirão

Apesar de derrota, Corinthians tem melhor defesa no primeiro turno do Brasileirão

Corinthians conta com retorno de ídolo da Fiel para fechar a casinha e terminar primeira metade do campeonato como fortaleza defensiva

Com o Maracanã lotado, Corinthians empata com o Fluminense e vai às semifinais da Sul-Americana

Créditos: Thiago Ribeiro/AGIF

Em um campeonato de pontos corridos, ter uma boa defesa é fundamental. Neste domingo, os paulistas não tiveram tanta sorte e, em falha de Cássio, perderam por 1 a 0 para o Fluminense. Ainda assim, com apenas 12 gols sofridos em 19 jogos, o Alvinegro terminou o primeiro turno do Brasileirão como time menos vazado da competição. 

Um time que sofre poucos gols já tem meio caminho andado para fazer uma boa campanha. E o Corinthians sabe bem disso. Não é por acaso que o clube ocupa a sexta posição na tabela de classificação, repetindo uma receita de sucesso nos últimos anos.

Recentemente, o Alvinegro teve a melhor defesa do Brasileirão em 2011, 2013, 2015 e 2017. Apenas em uma dessas edições o Corinthians não foi campeão brasileiro (2013).

Uma contratação fez toda a diferença para o Corinthians na atual temporada. A chegada do zagueiro Gil, um ídolo da Fiel Torcida, reorganizou o sistema defensivo do time. O defensor estreou na 11a rodada, diante do Flamengo. Em nove partidas, foram seis gols sofridos e apenas uma derrota (justamente a deste domingo, contra o Flu).

A média da defesa corintiana poderia ser ainda melhor, mas as últimas duas exibições deixaram a desejar. Na penúltima rodada, o Corinthians cedeu um empate por 2 a 2 para o Ceará dentro de casa.

Mas o grande problema esse ano é que os homens de frente não têm acompanhado o ritmo da defesa. O Alvinegro tem apenas o 12o melhor ataque do Brasileirão, com 21 gols marcados em 19 partidas. O líder Flamengo, por exemplo, já foi vazado 18 vezes. Mas tem 42 gols marcados (o dobro do Corinthians).

Confira as cinco melhores defesa do Brasileirão 2019:

1 - Corinthians: 12 gols 

2 - São Paulo: 13 gols

3 - Palmeiras: 14 gols

4 - Bahia: 16 gols

5 - Internacional: 17 gols

PATROCINADORES

Futebol Brasileiro