Técnicos do Fluminense e Bragantino projetam final do Brasileirão Feminino A2

Técnicos do Fluminense e Bragantino projetam final do Brasileirão Feminino A2

Equipes se enfrentam nesta segunda-feira (10), às 19h, no Nabi Abi Chedid

Bragantino e Fluminense disputam título do Brasileirão Feminino A2 Bragantino e Fluminense disputam título do Brasileirão Feminino A2
Créditos: Fernando Roberto/Red Bull Bragantino

Fluminense e Red Bull Bragantino decidem nesta segunda (10) o título do Brasileirão Feminino Binance A2. A partida de ida terminou com uma vitória por 3 a 0 do Massa Bruta, mas o Tricolor chega confiante para o jogo de volta. Os técnicos Hoffman Túlio, do Fluminense, e Rosana Augusto, do Bragantino, analisaram a partida e projetaram o futuro de suas equipes.

Tricolor carioca

O Fluminense se classificou para o mata-mata ao ficar em terceiro lugar no Grupo A. Mostrando seu poder de superação, a equipe carioca veio evoluindo ao longo do campeonato e o técnico Hoffman Túlio ressaltou que a prova disso foi a obtenção do acesso à Série A1 e a chegada à final do Brasileirão Feminino A2.

O Tricolor treinou normalmente nos últimos dias e focou na questão emocional para levantar o grupo. Hoffman ainda avaliou como as Guerreiras do Fluzão entram em campo para enfrentar as Bragantinas.

"Pode esperar um time que não vai desistir mesmo com o placar adverso. Respeitamos o Bragantino e as cores do Fluminense, então não vamos nos entregar em nenhum momento. Vamos para Bragança Paulista acreditando até o último minuto que conseguiremos a virada", disse.

O técnico projetou o futuro do Tricolor e contou quais são os planos para a próxima temporada.

"Um clube grande como o Fluminense tem que estar brigando na A1. Entramos para a história conseguindo esse acesso. Depois do Brasileiro, vamos conversar com as jogadoras que querem ficar, com o presidente (Mário Bittencourt), com o Paulo Angioni (diretor de Futebol), e traçar novas metas, um novo trabalho para que possamos jogar bem a A1 do jeito que essa camisa merece, e se possível que a gente possa acabar entre os 8. O nosso sonho é levar o Flu no mais alto nível possível", afirmou.

Bragantino e Fluminense disputam título do Brasileirão Feminino A2 Bragantino e Fluminense disputam título do Brasileirão Feminino A2
Créditos: Marina Garcia/ Fluminense FC

Massa Bruta

O Bragantino teve uma trajetória recheada de gols. Após a classificação para as quartas de final, a equipe não tirou o pé do acelerador e marcou 20 vezes em cinco jogos. A técnica Rosana Augusto contou que as Bragantinas evoluíram de uma forma muito interessante, constante e assimilaram bem tanto o modelo de jogo quanto às estratégias propostas para cada partida.

Sobre a finalíssima contra o Fluminense, a treinadora prevê uma partida complicada, mas que o resultado conquistado no primeiro jogo vai ajudar.

"Vai ser uma partida dificílima! Apesar de a gente ter conquistado um bom resultado fora de casa, sabemos que cada jogo é um jogo e o Fluminense com certeza é uma equipe muito qualificada que vai vir em busca do resultado. A gente vem se preparando principalmente mentalmente para manter o equilíbrio e fazer um bom jogo dentro da proposta que eles trouxerem", disse.

A técnica contou que a preparação para a final foi muito boa e ressaltou que a equipe teve uma semana inteira para trabalhar, fato incomum no cenário atual. Em relação à próxima temporada, Rosana disse que o time precisa se fortalecer para disputar a elite do futebol feminino brasileiro, mas falou que no momento as jogadoras estão focadas na final.

"A gente ficou muito feliz com o acesso, trabalhamos muito para isso. Ainda não estamos pensando no ano que vem, até porque tem uma final a se jogar, mas claro que é uma competição bem distinta e que o time precisa se fortalecer mais para ser competitivo também na série A1."

Bragantino e Fluminense disputam título do Brasileirão Feminino A2 Bragantino e Fluminense disputam título do Brasileirão Feminino A2
Créditos: Fernando Roberto/Red Bull Bragantino

O jogo

Fluminense e Bragantino se enfrentam nesta segunda-feira (10), às 19h, no Nabi Abi Chedid, buscando o título do Brasileirão Feminino A2.

PATROCINADORES

Futebol Brasileiro Nike Guaraná Antartica Vivo Itaú Neoenergia Mastercard Gol Cimed Pague Menos TCL SEMP TechnoGym StatSports Kin Analytics Globus Italian Excellence