Luciana defende pênaltis decisivos e leva Ferroviária ao bicampeonato do Brasileiro Feminino A-1

Luciana defende pênaltis decisivos e leva Ferroviária ao bicampeonato do Brasileiro Feminino A-1

Goleira foi decisiva nas cobranças de pênaltis nas quartas, semi e final. Atuação foi determinante para a conquista do título Brasileiro Feminino A-1 2019

Final do Campeonato Brasileiro Feminino A-1 Corinthians x Ferroviária Final do Campeonato Brasileiro Feminino A-1 Corinthians x Ferroviária
Créditos: Lucas Figueiredo/CBF

Os gritos eram eufóricos “É a melhor goleira do Brasil”, e assim Luciana era ovacionada pelos torcedores da Ferroviária, que foram ao Parque São Jorge, São Paulo (SP), neste domingo (29). Foi mais um dia iluminado da arqueira, no duelo de volta da final do Campeonato Brasileiro Feminino A-1, a camisa 1 freou o feroz ataque do Corinthians no tempo normal, e nas cobranças de pênalti, mais uma vez, a estrela brilhou. 

Na terceira decisão nos pênaltis na competição, Luciana mais uma vez foi decisiva, desta vez, a goleira defendeu a terceira cobrança do Corinthians. A bola que saiu dos pés de Tamires parou diretamente nas mãos da arqueira da Ferroviária. Na sequência do Timão, Ingryd chutou para fora e viu o elenco da Ferrinha converter todas as quatro batidas, e se sagrar campeão do Brasileiro Feminino A-1 2019.

- Foi uma classificação muito difícil, nós ficamos em sétimo na primeira fase e muitas pessoas duvidaram da nossa capacidade de chegar à final. Aqui dentro do grupo a gente nunca deixou de acreditar e sempre seguimos em frente, contrariando os opostos. Eu trabalho e treino todos os dias e nada melhor do que ser coroada hoje juntamente com a minha equipe - ressalta. 

Luciana pega pênaltis decisivos e leva Ferroviária ao bicampeonato do Brasileiro Feminino A1 Luciana pega pênaltis decisivos e leva Ferroviária ao bicampeonato do Brasileiro Feminino A1
Créditos: Lucas Figueiredo/CBF

Ao longo do Brasileiro Feminino deste ano, Luciana foi peça fundamental nas classificações, todas decididas nos pênaltis. Nas quartas de final, a Ferroviária eliminou o Santos após duas defesas da goleira. Já na semifinal, a história se repetiu, a camisa 1 defendeu mais duas batidas e garantiu as Guerreiras Grenás na final. E na decisão, lá estava ela pronta para garantir o seu segundo título nacional.

Em 2014, Luciana participou da conquista do primeiro título nacional da Ferroviária. Neste domingo (29), na sua quarta final do Feminino A-1  (foi campeã em 2015 e vice em 2016 com Rio Preto), a goleira não escondeu o amor pela camisa grená. 

- Estou muito feliz, esse título é muito importante na minha vida, é uma camisa que eu amo de paixão nunca escondi isso de ninguém. Foi um ano muito difícil pra gente, tivemos muitos jogos em sequência, mas nosso esforço deu certo e fomos coroadas com o título - conta Luciana. 

Luciana pega pênaltis decisivos e leva Ferroviária ao bicampeonato do Brasileiro Feminino A1 Luciana pega pênaltis decisivos e leva Ferroviária ao bicampeonato do Brasileiro Feminino A1
Créditos: Lucas Figueiredo/CBF

 

 

 

PATROCINADORES

Futebol Brasileiro Nike Itaú VIVO Guaraná Antártica Mastercard GOL CIMED Semp TCL FIAT 3 Corações Techno GYM STAT Sports