As Melhores da Rodada #6: dia das mães tem chuva de empates, choro e dérbi emocionante

As Melhores da Rodada #6: dia das mães tem chuva de empates, choro e dérbi emocionante

Fim de semana do Brasileirão Feminino terminou com Palmeiras na liderança e Santos cada vez mais próximo da ponta.

Sexta rodada do Brasileirão Feminino A1: Corinthians x Palmeiras Sexta rodada do Brasileirão Feminino A1: Corinthians x Palmeiras
Créditos: Thais Magalhães/CBF

Chegou ao fim mais uma grande rodada do Brasileiro Feminino A-1! É hora, então, de conferir os grandes destaques das oito partidas deste fim de semana, que terminou com o Palmeiras mais uma vez na liderança, acompanhado de perto, dessa vez, pelo Santos. Teve homenagem para o Dia das Mães, muito empate e um clássico para lá de pegado. Vem com a gente com As Melhores da Rodada #6!

Mães em campo


Antes mesmo da bola rolar para a rodada do fim de semana, a CBF preparou uma homenagem para 11 jogadoras que atuam no Brasileiro Feminino A-1. Com o especial "Mães em Campo", a entidade recolheu depoimento das 11 mulheres que compartilham a vida de jogadora de futebol na elite do futebol brasileiro com a maternidade. São elas: Camila e Cristiane, do Santos, Gadu e Luciana, do Real Brasília, Ana Beatriz, do Avaí/Kindermann, Kamilla, do Botafogo, Jamille, da Ferroviária, Mary Camilo, do Cruzeiro, Tamires, do Corinthians, Silvana, do São José, e Isadora, do Minas Brasília.

CONFIRA: Mães em campo: CBF homenageia atletas que conciliam o futebol e a maternidade no Dia das Mães

Dias das Mães: Tamires, mãe do Bernardo e lateral do Corinthians Tamires, uma das 11 mães que jogam o Brasileiro Feminino A-1 em 2021.
Créditos: Livia Villas Boas / Staff Images Women

Homenagens merecidas


Durante a rodada, os jogos tiveram várias homenagens especiais para o Dia das Mães. No próprio domingo, Corinthians e Palmeiras protagonizaram algumas ações para celebrar a data. O Timão entrou com balões nas mãos, com o nome das mães de cada uma das jogadoras. Do outro lado do confronto, as jogadoras do Verdão carregaram o nome de suas mães nas próprias camisas.

Sexta rodada do Brasileirão Feminino A1: Corinthians x Palmeiras Jogadoras do Corinthians deixaram os balões subirem aos céus antes do início do jogo.
Créditos: Thais Magalhães/CBF

Um dérbi pegado


Dentro de campo, Corinthians e Palmeiras fizeram um jogo digno de toda a história de rivalidade entre os dois times. Em um confronto que valia a liderança do Brasileiro Feminino A-1, o Dérbi Paulistano foi emocionante e muito disputado desde o minuto inicial. O placar foi aberto pelo Palmeiras, com o gol de Bruna Calderan, já no segundo tempo. Depois de começar o jogo no banco, a meio-campista Victoria Albuquerque entrou para dar igualdade ao jogo, que terminou no empate em 1 a 1. Com o resultado, o Verdão manteve sua invencibilidade e sua liderança.

Bruna Calderan abriu o placar...


...e Victoria Albuquerque deixou tudo igual.

Chuva de empates


Não foi só no clássico entre Palmeiras e Corinthians que o jogo terminou empatado. O domingo de Brasileiro Feminino A-1 teve outros três empates. Foram eles: Flamengo 2 x 2 São José, Napoli 0 x 0 Minas Brasília e Cruzeiro 1 x 1 Botafogo. Os vários empates estagnaram vários times na tabela de classificação do Brasileiro Feminino A-1, que contou com a ascensão de outras equipes...

Cruzeiro x Botafogo - Brasileiro Feminino A-1 2021 Cruzeiro e Botafogo ficaram no empate por 1 a 1 no domingo.
Créditos: Igor Sales/Cruzeiro

Retorno triunfal


Um dos times que mais subiu na tabela neste fim de semana, o Santos conquistou uma importante vitória sobre o Grêmio fora de casa. Os gols das Sereias da Vila foram marcados por Ketlen e por Alanna. Esta, por sinal, viveu uma tarde inesquecível. Afastada dos gramados por lesão há 19 meses, Alanna precisou de pouco mais do que dez minutos em campo para coroar seu retorno com um belo gol, dando a vitória ao Santos. Na comemoração, ela foi às lágrimas. O momento gerou até mesmo uma homenagem do perfil da Copa do Mundo da FIFA.

 

Brilha, Jaqueline!


A rodada contou com o brilho de Jaqueline. A jovem atacante do São Paulo marcou dois gols na vitória do Tricolor sobre o Internacional, por 2 a 0, e foi eleita pelos torcedores como A Mina da Rodada. Ela foi a primeira jogadora do São Paulo a levar a premiação e, com o resultado, o Tricolor ganhou três posições na tabela de classificação.

São Paulo x Internacional - Brasileiro Feminino A-1 2021 Jaqueline fez dois gols e foi a Mina da Rodada.
Créditos: Rebeca Reis/AGIF

 

PATROCINADORES

Futebol Brasileiro Nike Guaraná Antártica VIVO Itaú Mastercard Voe GOL CIMED Semp TCL FIAT Pague Menos Café 3 Corações Techno Gym Stat Sports Kin Analytics