Craque da Partida, Adriana lamenta oportunidades perdidas e pede foco na grande final

Craque da Partida, Adriana lamenta oportunidades perdidas e pede foco na grande final

Atacante foi eleita a melhor da partida em votação do público no Twitter. Em entrevista, jogadora lamentou as oportunidades desperdiçadas, mas destacou a importância do empate fora de casa.

Jogo de ida da final do Brasileirão Feminino A-1 2020 - Avaí-Kindermann x Corinthians Jogo de ida da final do Brasileirão Feminino A-1 2020 - Avaí-Kindermann x Corinthians
Créditos: Thais Magalhães/CBF

A primeira partida da final do Campeonato Brasileiro Feminino A-1 terminou no 0 a 0. Avaí/Kindermann e Corinthians se enfrentaram na noite deste domingo (22), no Estádio da Ressacada, em Florianópolis/SC, e deixaram a emoção da disputa ainda maior para o duelo da volta. A destaque da partida foi Adriana, do Timão, eleita a Craque da Partida em votação popular feita pelo Twitter do @BrFeminino.

Durante os primeiros 90 minutos da finalíssima, o torcedor que acompanhou a partida assistiu a equilíbrio entre as duas equipes. Com boas chances para os dois lados, catarinenses e paulistas quase arrancaram o grito de gol algumas vezes de quem estava em casa vendo a transmissão pela Band, ESPN ou Twitter. Adriana lamentou as oportunidades desperdiçadas, mas destacou a importância do empate na casa do adversário.

"Primeiramente, obrigada! Foi um grande jogo e quem acompanhou pôde ver o nível da partida. Infelizmente, não conseguimos concretizar em gol as oportunidades que tivemos, mas é um bom resultado fora de casa e temos mais 90 minutos para decidir no nosso estádio", disse a Craque da Partida.

Jogo de ida da final do Brasileirão Feminino A-1 2020 - Avaí-Kindermann x Corinthians Jogo de ida da final do Brasileirão Feminino A-1 2020 - Avaí-Kindermann x Corinthians
Créditos: Thais Magalhães/CBF

Quando o assunto é ser campeão, toda chance tem que ser aproveitada. As oportunidades que foram criadas cara a cara com a goleira Bárbara, ou que passaram perto da trave, deixaram um sentimento amargo para Adriana. A atacante, no entanto, pensando no coletivo, quer que o time respire, veja os erros e busque o título na Neo Química Arena.

"Faltou caprichar mais na finalização ou no último passe que é para fazer gol. Infelizmente, hoje não deu e a bola não quis entrar. Mas, é como falei, temos que descansar porque no dia 6 de dezembro tem o jogo em casa", concluiu Adriana.

Avaí/Kindermann e Corinthians voltam a se enfrentam no dia 6 de dezembro, às 20h, na Neo Química Arena, em São Paulo. Quem vencer fica com taça, caso o jogo termine empatado a disputa do troféu de campeão do Brasileiro Feminino A-1 será nos pênaltis. O torcedor pode acompanhar o confronto pela Band, ESPN ou pelo Twitter oficial do @BrFeminino.

PATROCINADORES

Futebol Brasileiro NIKE GUARANÁ ANTÁRTICA VIVO ITAÚ MASTERCARD GOL CIMED SEMP TCL FIAT PAGUE MENOS 3 CORAÇÕES TECHNOGYM STAT SPORTS