Aline Pellegrino comemora conclusão do Brasileiro Feminino Sub-16

Aline Pellegrino comemora conclusão do Brasileiro Feminino Sub-16

Competição que contou com 12 equipes foi realizada em Sorocaba (SP), no esquema "bolha" para evitar contaminações de Covid-19.

Aline Pellegrino comemora conclusão do Brasileiro Feminino Sub-16 Aline Pellegrino comemora conclusão do Brasileiro Feminino Sub-16
Créditos: Adriano Fontes/CBF

O Campeonato Brasileiro Feminino Sub-16 terminou, neste domingo (20), com o Internacional sagrando-se campeão da segunda edição da competição. Na decisão, as Gurias Coloradas venceram o Minas Brasília, por 2 a 0.  

Em meio aos desafios de um ano marcado pela pandemia de Covid-19, a Coordenadora de Competições Femininas da CBF, Aline Pellegrino, comemorou a conclusão de mais um campeonato e destacou os esforços para a manutenção das competições nacionais.

"O nível de responsabilidade e preocupação foi muito grande, mas fico feliz, a gente conseguiu entregar uma competição de base, a Série A-1 já está finalizada, e a Série A-2 na fase final. Em relação à base, que a gente precisa tanto focar no futebol feminino brasileiro, já temos essa competição concluída. Contamos com 12 clubes e entregamos em alto nível, agora vamos pensar no Sub-18", destaca.

Para a realização da competição uma estrutura foi montada em um Centro de Treinamento em Sorocaba para receber 22 jogos da competição. Com três campos, as disputas foram realizadas simultaneamente. Os duelos também contaram com 100% de transmissão pela plataforma de streaming, o MyCujoo. Todos os custos de operação foram bancados pela CBF, como hospedagem, alimentação, transporte e testes de Covid-19.

Internacional e Minas Brasília disputaram o título do Brasileiro Feminino Sub-16 neste domingo Internacional e Minas Brasília disputaram o título do Brasileiro Feminino Sub-16 neste domingo
Créditos: Adriano Fontes/CBF

O Brasileiro Feminino Sub-16 foi realizado em Sorocaba (SP), no esquema "bolha" para evitar contaminações de Covid-19. Todas as 12 equipes passaram por testes de RT-PCR para detecção do novo coronavírus. Além disso, as delegações ficaram concentradas em hotéis na cidade, sob rígido protocolo de controle sanitário. 

"Contamos com um protocolo muito rígido, essa foi uma preocupação o tempo todo da Comissão Médica  junto com o Departamento de Competições. Agradeço ao Presidente Rogério Caboclo e o Diretor de Competições, Manoel Flores, que acreditaram e mantiveram as competições femininas mesmo nesse cenário com tantas dificuldades, tenho certeza que o resultado foi muito positivo!", enfatiza.

Brasileirão Feminino Sub-16 - 2ª rodada - 14/12/2020 Brasileirão Feminino Sub-16 - 2ª rodada - 14/12/2020
Créditos: Adriano Fontes/CBF

De olho em 2021, Aline Pellegrino projeta um calendário extenso para as competições de base de futebol feminino. Com o adiamento do Brasileiro Sub-18 e da Liga Sul-Americana Sub-16 e Sub-14 devido a pandemia de Covid-19, a programação para o próximo ano contará com duas edições dos torneio.

"O calendário do ano que vem estará cheio, por exemplo, o Brasileiro Sub-18 irá acontecer duas vezes, então, será um calendário bem recheado da base. O 2021 para a categoria vai ser muito positivo e acho que será uma virada de página para a base do futebol feminino brasileiro", conclui.

Brasileirão Feminino Sub-16 - 3ª rodada - 16/12/2020 Brasileirão Feminino Sub-16 - 3ª rodada - 16/12/2020
Créditos: Adriano Fontes/CBF

Brasileirão Feminino Sub-16 - Semifinais - 18/12/20 Brasileirão Feminino Sub-16 - Semifinais - 18/12/20
Créditos: Adriano Fontes/CBF

Brasileirão Feminino Sub-16 - 2ª rodada - 14/12/2020 Brasileirão Feminino Sub-16 - 2ª rodada - 14/12/2020
Créditos: Adriano Fontes/CBF

 

PATROCINADORES

Futebol Brasileiro Nike Guaraná Antártica VIVO Itaú Mastercard Voe GOL CIMED Semp TCL FIAT Pague Menos Café 3 Corações Techno Gym Stat Sports Kin Analytics