Henryquinho dá show, e Cruzeiro é bicampeão do e-Brasileirão

Henryquinho dá show, e Cruzeiro é bicampeão do e-Brasileirão

Representante do clube celeste avançou com a melhor campanha da fase de grupos e nesta sexta bateu Flamengo, Ceará e Botafogo para garantir o troféu

E-Brasileirão 2018

E-Brasileirão 2018

Créditos: Bruno Pacheco/CBF

E-Brasileirão 2018

E-Brasileirão 2018

Créditos: Bruno Pacheco/CBF

E-Brasileirão 2018

E-Brasileirão 2018

Créditos: Bruno Pacheco/CBF

E-Brasileirão 2018

E-Brasileirão 2018

Créditos: Bruno Pacheco/CBF

E-Brasileirão 2018

E-Brasileirão 2018

Créditos: Bruno Pacheco/CBF

E-Brasileirão 2018

E-Brasileirão 2018

Créditos: Leandro Lopes/CBF

E-Brasileirão 2018

E-Brasileirão 2018

Créditos: Bruno Pacheco/CBF

E-Brasileirão 2018

E-Brasileirão 2018

Créditos: Leandro Lopes/CBF

E-Brasileirão 2018

E-Brasileirão 2018

Créditos: Leandro Lopes/CBF

O Cruzeiro é bicampeão do e-Brasileirão! Na tarde desta sexta-feira (30), na sede da CBF, no Rio de Janeiro (RJ), Henryquinho, que defendia o título, conquistou o segundo troféu da competição para o clube celeste. O jovem Cláudio Henrique Mesquita derrotou o representante do Botafogo, Allan Leal, na decisão e, além do troféu, leva para casa a premiação no valor de R$ 20 mil.

Henryquinho conquistou a competição com grande campanha. O atleta teve a melhor campanha da fase de grupos do campeonato de Pro Evolution Soccer (PES), com dez pontos no grupo da morte, que envolveu o campeão de 2016, GuiFera, e o vice do ano passado, Valber Mendes. Nas quartas de final, que começaram a ser disputadas nesta sexta, o Cruzeiro derrotou o Flamengo de Leonardo "Jambock" na ida e na volta, com vitórias por 3 a 2 e 2 a 0.

Na semifinal, Henryquinho enfrentou o representante do Ceará, João Victor, por 3 a 0 e 3 a 1 e carimbou o passaporte para a grande decisão. O jovem cruzeirense encarou o Botafogo de Allan Leal, que, nos confrontos eliminatórios, o representante do Fogão deixou para trás Guilherme ''GuiFera'', do Santos, e Rudy Lucas, do Atlético-PR.  e mostrou grande controle emocional. Venceu a ida por 4 a 1 e, no duelo da volta, controlou bem o duelo, soube segurar o adversário e, apesar da derrota por 2 a 1, conquistou o título com triunfo por 5 a 3 por agregado. 

"Estou muito feliz. Consegui chegar os três anos nas finais, tenho dois títulos, e ganhar pelo clube do meu coração é sempre melhor do que ganhar outros campeonatos. É uma emoção muito grande. Acho que é o título mais importante da minha vida, pois tive uma temporada espetacular, e agora é continuar firme para representar o Brasil bem", destacou o campeão Henryquinho. 

A edição do e-Brasileirão 2018 foi a terceira da história. O campeonato deste ano foi dividido em três etapas: eliminatórias de clubes online, qualificatórias presenciais do clubes (realizadas em estádios) e fase do mata-mata na sede da CBF. Mais de 18 mil jogadores se inscreveram para as seletivas dos 20 clubes do Campeonato Brasileiro. 

 

PATROCINADORES

Futebol Brasileiro Mastercard GOL CIMED SEM TCL FIAT English Live Ultrafarma Technogym Statsports