Debate sobre branding reúne especialistas de marketing no Somos Futebol

Debate sobre branding reúne especialistas de marketing no Somos Futebol

Representantes da FIFA, da Globosat e da Mastercard discutem sobre as estratégias de posicionamento de marca

Somos Futebol 2019 - Branding

Somos Futebol 2019 - Branding

Créditos: Laís Torres/CBF

Somos Futebol 2019 - Branding - Julia Censi - Head de Marketing  da Globosat

Somos Futebol 2019 - Branding - Julia Censi - Head de Marketing da Globosat

Créditos: Laís Torres/CBF

Somos Futebol 2019 - Branding - Julia Censi - Head de Marketing  da Globosat

Somos Futebol 2019 - Branding - Julia Censi - Head de Marketing da Globosat

Créditos: Laís Torres/CBF

Somos Futebol 2019 - Branding - Julia Censi - Head de Marketing  da Globosat

Somos Futebol 2019 - Branding - Julia Censi - Head de Marketing da Globosat

Créditos: Laís Torres/CBF

Somos Futebol 2019 - Branding - Ana Brito-Head de Gestão de Marca e Licenciamento da FIFA

Somos Futebol 2019 - Branding - Ana Brito-Head de Gestão de Marca e Licenciamento da FIFA

Créditos: Laís Torres/CBF

Somos Futebol 2019 - Branding - Alan Crean - Diretor de Marketing da Mastercard

Somos Futebol 2019 - Branding - Alan Crean - Diretor de Marketing da Mastercard

Créditos: Laís Torres/CBF

Somos Futebol 2019 - Branding - Alan Crean - Diretor de Marketing da Mastercard

Somos Futebol 2019 - Branding - Alan Crean - Diretor de Marketing da Mastercard

Créditos: Laís Torres/CBF

Somos Futebol 2019 - Branding - Julia Censi - Head de Marketing  da Globosat

Somos Futebol 2019 - Branding - Julia Censi - Head de Marketing da Globosat

Créditos: Laís Torres/CBF

Somos Futebol 2019 - Branding - Ana Brito-Head de Gestão de Marca e Licenciamento da FIFA

Somos Futebol 2019 - Branding - Ana Brito-Head de Gestão de Marca e Licenciamento da FIFA

Créditos: Laís Torres/CBF

Somos Futebol 2019 - Branding - Ana Brito-Head de Gestão de Marca e Licenciamento da FIFA

Somos Futebol 2019 - Branding - Ana Brito-Head de Gestão de Marca e Licenciamento da FIFA

Créditos: Laís Torres/CBF

Somos Futebol 2019 - Branding - Ana Brito-Head de Gestão de Marca e Licenciamento da FIFA

Somos Futebol 2019 - Branding - Ana Brito-Head de Gestão de Marca e Licenciamento da FIFA

Créditos: Lucas Figueiredo/CBF

Na tarde desta terça-feira, o Somos Futebol reuniu uma mesa para debater as estratégias de branding, alinhamento de marca e parcerias estratégicas. Para discutir um assunto tão importante, a CBF convidou representantes de três gigantes do mercado do futebol: Ana Brito, Head de Gestão da Marca e Licenciamento da FIFA; Alan Crean, Diretor de Marketing da Mastercard; e Julia Censi, Gerente de Marketing da Globosat.

O tema deu sequência à primeira mesa do dia, que discutiu patrocínios e ativações. Quem abriu os trabalhos na parte da tarde foi Ana Brito, Head de Gestão da Marca e Licenciamento da FIFA. Em sua exposição, ela falou sobre os desafios enfrentados pela federação para transformar a maneira como é percebida pelos torcedores.

Por se tratar de uma marca conhecida internacionalmente, de uma instituição centenária, a mudança não tem como ser rápida, como explicou Ana Brito. A FIFA tem trabalhado, dentro e fora de seu ambiente corporativo, para mudar a sua imagem desde a chegada de Gianni Infantino.

Um dos cases citados por ela foi a Copa do Mundo Feminina da França, que será realizada neste ano. De acordo com ela, esta será o primeiro Mundial em que as mulheres terão exatamente a mesma experiência que os homens.

– O mote dessa Copa do Mundo é que seja a melhor de sempre. E de fato é o primeiro torneio em que estamos investindo o mesmo dos torneios de homens. Mas é um torneio feminino, e a gente não quer esconder isso – disse.

Em seguida, se apresentou Alan Crean, Diretor de Marketing da Mastercard. Durante sua palestra, falou sobre as transformações sofridas pela marca para se adaptar a um novo padrão de consumo. Movida pelo slogan "Não tem preço", a empresa tenta acompanhar as alterações no modo como as pessoas compram.

O mundo usa cada vez menos cartões para consumir, e é à essa realidade que, a empresa que leva cartão até no nome, tenta se adaptar. Uma dessas mudanças foram na própria marca, que se modernizou.

– A marca tinha um desafio de unificação. Era uma marca corporativa, que já não refletia mais os valores da sociedade. Então redesenhamos a marca. Nosso desejo era uma associação com marcas que fossem ligadas com a modernidade, inovação – destacou.

Fechando o dia de apresentações, Julia Censi, Gerente de Marketing da Globosat, falou sobre a maneira como os canais da empresa vêm encarando o novo momento do esporte no país. Entre as principais novidades nessa abordagem está a própria Copa do Mundo da FIFA, que será transmitida pela Rede Globo pela primeira vez.

No Sportv, canal pago da empresa, assim como na Rede Globo, já é possível perceber uma maior atenção ao crescimento da modalidade.

– Pela primeira vez nós temos uma campanha para o futebol feminino, e acho que encontramos o caminho certo para essa valorização – disse.

Após as palestras, os três se sentaram ao lado de Vanessa Riche para um debate aberto sobre posicionamento e marca, com ênfase no mundo do futebol.

 


Veja mais