Branco, Jardine e Paulo Victor discutem a base da Seleção na Brasil Futebol Expo

Branco, Jardine e Paulo Victor discutem a base da Seleção na Brasil Futebol Expo

Coordenador das Seleções de Base, Branco esteve ao lado de André Jardine, técnico da Seleção Olímpica, e Paulo Victor, da Sub-15, na Brasil Futebol Expo

FOTOS TERCEIRO DIA BRASIL FUTEBOL EXPO 2019.

FOTOS TERCEIRO DIA BRASIL FUTEBOL EXPO 2019.

Créditos: Matheus Tripoli/CBF

FOTOS TERCEIRO DIA BRASIL FUTEBOL EXPO 2019.

FOTOS TERCEIRO DIA BRASIL FUTEBOL EXPO 2019.

Créditos: Matheus Tripoli/CBF

FOTOS TERCEIRO DIA BRASIL FUTEBOL EXPO 2019.

FOTOS TERCEIRO DIA BRASIL FUTEBOL EXPO 2019.

Créditos: Matheus Tripoli/CBF

FOTOS TERCEIRO DIA BRASIL FUTEBOL EXPO 2019.

FOTOS TERCEIRO DIA BRASIL FUTEBOL EXPO 2019.

Créditos: Matheus Tripoli/CBF

O futuro do futebol brasileiro é agora. As categorias de base da Seleção Brasileira foram tema do debate matinal na Brasil Futebol Expo, nesta sexta-feira. Para a discussão, a exposição trouxe três profundos conhecedores da base brasileira: Branco, Coordenador da Seleções Brasileiras de Base; André Jardine, técnico da Seleção Olímpica; e Paulo Victor Rodrigues, treinador da Seleção Brasileira Sub-15.

Responsável por gerir todas as categorias das divisões de base da Seleção, Branco abriu o debate com um raio-x do cenário atual na base do futebol brasileiro. Em menos de um ano de trabalho, o coordenador já trouxe algumas novidades, como novas categorias para a Seleção, e tenta comandar um processo de retomada da hegemonia brasileira no futebol.

- Foi um grande resumo de tudo aquilo que a gente está planejando, já tem feito e pretende fazer dentro desse conceito de retomada do futebol de base, com o apoio do Presidente Rogério Caboclo, que está dando um auxílio espetacular com a estrutura que a gente tem. Dei uma aparada em tudo que aconteceu e que futuramente acontecerá. O Paulo Victor e o Jardine deram uma aula de futebol, fiquei feliz - contou Branco.

Na sequência, André Jardine e Paulo Victor ganharam o palco para um rico debate sobre tática, técnica e cultura do futebol brasileiro. Diante do auditório, os dois expuseram um pouco do trabalho que vem sendo realizado tanto na Seleção Olímpica quanto na Sub-15. Com exemplos práticos, Jardine e Paulo Victor mostraram os conceitos que gostam de imprimir a suas equipes e falaram sobre a importância do trabalho desde o início com os jogadores.

- Temos que tentar, em pouco tempo, colocar o Brasil como uma referência de novo. Para isso a gente precisa debater, trocar ideia e as pessoas do futebol como um todo precisam abraçar essa causa, para colocarmos o Brasil na frente em tudo que disputa - ponderou Jardine.

Paulo Victor tem uma responsabilidade e tanto no comando da Seleção Sub-15. É o técnico da equipe mais jovem e lida com jogadores que estão tendo seu primeiro contato com a Amarelinha. Por isso, não se furta em frisar a importância de começar, desde já, o trabalho de transformação do futebol brasileiro.

- Eu acredito que a gente tem que transformar essa urgência em trabalho, em disposição, em entrega. A gente tem feito isso com muita dedicação e com muito compromisso no nosso trabalho, sobretudo com o futebol brasileiro, com todo o respaldo que tem sido dado pelo Branco, pelo presidente Rogério, e acredito que a gente está em um caminho sem volta - destacou o treinador.