Presidente Rogério Caboclo recebe Presidente do Senado em visita à CBF

Presidente Rogério Caboclo recebe Presidente do Senado em visita à CBF

Presidente do Senado Federal, Davi Alcolumbre esteve na CBF para se familiarizar aos posicionamentos e projetos da entidade maior do futebol brasileiro

Presidente do Senado Federal Davi Alcolumbre visita a sede da CBF no Rio de Janeiro

Créditos: Lucas Figueiredo/CBF

O Presidente do Senado Federal, Davi Alcolumbre (DEM-AP) visitou a CBF na manhã desta segunda-feira, 30. O senador foi recebido por Rogério Caboclo, presidente da entidade. Ao lado do secretário-geral Walter Feldman, eles tomaram café da manhã no salão nobre da sede da CBF. Alcolumbre aproveitou a visita para tratar de assuntos importantes com o presidente Caboclo.

Durante a conversa, o senador pôde conhecer melhor a posição da CBF a respeito do projeto de lei que regulamenta a transformação dos clubes de futebol em empresas. A matéria atualmente tramita na Câmara dos Deputados e pode ser avaliada pelo Senado em breve.

Presidente do Senado Federal Davi Alcolumbre visita a sede da CBF no Rio de Janeiro Davi Alcolumbre conheceu o técnico Tite durante a visita
Créditos: Lucas Figueiredo/CBF

Depois de debater o tema com Caboclo e Feldman, o senador quer ouvir a opinião de outros atores do futebol brasileiro, para chegar ao posicionamento mais democrático possível.

- É um projeto que se debate neste começo de legislatura e ainda está na Câmara. Minha decisão essencial após ouvir o ponto de vista da Confederação é promover uma reunião com os clubes. Também promover uma reunião com todos os atores do desporto, especialmente do futebol brasileiro, e propor na Comissão de Educação e Esporte uma audiência pública para ouvir todos esses segmentos da sociedade. Debatendo democraticamente, buscando a convergência, podemos melhorar o futebol, respeitar o papel do ponto de vista legal e institucional dos clubes e compreender que aqueles que querem se transformar em empresa não podem ser obrigados a fazê-lo - destacou Alcolumbre.

A visita do senador à sede da CBF era um desejo da entidade desde o começo do ano, quando teve início a atual legislatura. No último mês de julho, a Confederação recebeu o Presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, que tem participado ativamente da condução da matéria. A CBF ainda sediou algumas das reuniões entre os clubes sobre o tema, colocando-se como uma importante mediadora deste debate.

- A CBF é a favor da profissionalização do futebol como um todo. Desde o meu discurso de posse tenho dito isso. Acho que os clubes têm que se profissionalizar, porque é um caminho inexorável. Falamos isso com o presidente Rodrigo Maia (da Câmara) e repetimos agora ao presidente Davi Alcolumbre, presidente do Senado). O que a CBF entende é que nós temos que permitir aos clubes a escolha do caminho que eles vão percorrer, dentro de suas particularidades, do que reúnem como qualidades legais. A constituição permite dar a prerrogativa para que entidades escolham a maneira como elas devem se conduzir. Então é isso que a CBF defende, a partir do princípio de que a profissionalização é o ideal para o esporte - disse Rogério Caboclo.

Presidente do Senado Federal Davi Alcolumbre visita a sede da CBF no Rio de Janeiro O Presidente do Senado conheceu alguns dos projetos da CBF
Créditos: Lucas Figueiredo/CBF

O Presidente do Senado aproveitou a visita para conhecer outros projetos importantes da entidade, como o CBF Social, o Apitinho de Ouro e o Projeto Gol do Brasil, iniciativas que promovem a inclusão social através do esporte.

Davi Alcolumbre ainda conheceu melhor todo o funcionamento da CBF. Esteve em diferentes departamentos da empresa, como a Diretoria de Seleções, que cuida das equipes que representam nosso país em competições internacionais. O senador também visitou o Museu Seleção Brasileira, onde está exposta boa parte da história do nosso futebol.

Ao fim da visita, tanto o Presidente do Senado, Davi Alcolumbre, quanto o Presidente da CBF, Rogério Caboclo, atenderam à imprensa.

Presidente do Senado Federal Davi Alcolumbre visita a sede da CBF no Rio de Janeiro Davi Alcolumbre, Walter Feldman e Rogério Caboclo durante café da manhã na CBF
Créditos: Lucas Figueiredo/CBF