Presidente da CBF participa do 74º Congresso Ordinário da Conmebol

Presidente da CBF participa do 74º Congresso Ordinário da Conmebol

Por videoconferência, Presidente da CBF participou de reunião da entidade sul-americana ao lado de Ednaldo Rodrigues.

23/03/21 - 74ª Congresso da Conmebol por videoconferência 23/03/21 - 74ª Congresso da Conmebol por videoconferência
Créditos: Thais Magalhães/CBF

O Presidente da CBF, Rogério Caboclo, participou na manhã desta terça-feira (23) do 74º Congresso Ordinário da Conmebol. Na reunião, Rogério Caboclo esteve acompanhado pelo delegado designado, Ednaldo Rodrigues, Vice-Presidente da CBF.

O encontro se deu por videoconferência e reuniu representantes das dez associações que compõem a Conmebol. Durante a reunião, foram debatidos principalmente dois temas: a aprovação dos relatórios de gestão da Conmebol, com contas e receitas para 2021; e a eleição de delegados para as cadeiras vacantes no Conselho da FIFA (1), na Comissão de Cumprimento e Auditoria (1), na Comissão de Governança e Transparência (2), na Comissão Disciplinar (1) e na Comissão de Apelações (1).

A reunião contou também com a participação do Presidente da FIFA, Gianni Infantino, abriu o 74º Congresso Ordinário da Conmebol com uma fala que valorizou a cooperação e o constante diálogo entre a entidade máxima do futebol e a confederação sul-americana, além de reforçar seu compromisso para a realização das Eliminatórias da Copa do Mundo FIFA Catar 2022.

"Quero agradecer à Conmebol, ao Presidente Alejandro, pelo intercâmbio, por estarem muito abertos sobre todos os temas. Vivemos um período muito difícil, muito complicado com a pandemia. É muito difícil viajar, jogar, viver. Mas o valor mais importante que temos é a saúde e temos que cuidar da saúde de todos no futebol. Vamos seguir trabalhando para isso", ponderou Infantino.

Durante o Congresso, o Presidente da Conmebol, Alejandro Domínguez, destacou o esforço de todas as associações filiadas à entidade sul-americana para a realização da temporada de 2020, tratada como uma das mais complexas de todos os tempos pelo paraguaio.

"2020 foi o ano mais difícil da história do futebol. Na Conmebol, a saúde de nossos jogadores, árbitros e técnicos foi a prioridade. Com a ajuda de especialistas, desenvolvemos um protocolo sanitário e um trabalho intenso com as associações filiadas e com os governos dos dez países. Não foi fácil. Mas tem algo em que ninguém nos vence, é na perseverança. Quero destacar que nosso protocolo sanitário, aprovado pelos dez países, foi tremendamente efetivo, com 99% dos testes de covid-19 com resultado negativo", ressaltou Alejandro.

23/03/21 - 74ª Congresso da Conmebol por videoconferência Presidente Rogério Caboclo e Vice-Presidente Ednaldo Rodrigues acompanham participação de Gianni Infantino.
Créditos: Thais Magalhães/CBF

Para saber mais sobre o 74º Congresso Ordinário da Conmebol, clique aqui e confira os documentos apresentados pela entidade.