Presidente Rogério Caboclo acompanha título do Flamengo em Lima

Presidente Rogério Caboclo acompanha título do Flamengo em Lima

CBF marcou presença no Estádio Monumental e saudou o campeão da América. Próxima Final será no Brasil

Rogério Caboclo ao lado de governantes e dirigentes, na Final da Libertadores, em Lima (Peru) Da esquerda para direita: Vice-pres. da CBF, Fernando Sarney; Pres. da Federação Colombiana, Ramón Jesurún (COL); Pres. da CBF, Rogério Caboclo; Pres. da Conmebol, Alejandro Domínguez; Presidente do Peru, Martín Vizcarra; Governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel; e Pres. da Federação Peruana, Agustín Lozano (PER), na tribuna de honra da Conmebol
Créditos: Divulgação

O presidente da CBF, Rogério Caboclo, acompanhou a Final da Copa Libertadores da América no Estádio Monumental, em Lima (Peru), e parabenizou o Flamengo pelo título da competição mais importante do continente. Ele assistiu à partida ao lado do presidente da Conmebol, Alejandro Domínguez, e do governador do Estado do Rio de Janeiro, Wilson Witzel, além do presidente do Peru, Martín Vizcarra, e dos demais dirigentes das confederações sul-americanas.

— Parabéns ao Flamengo pela conquista histórica, alcançada de maneira épica, nesse belo espetáculo do futebol. O trabalho de gestão realizado pelo clube se transformou nesse título que a torcida tanto desejava. Este ano, o País do Futebol dominou o continente. A Seleção Brasileira levantou a Copa América e, agora, o Flamengo venceu a Libertadores — afirmou Caboclo, que, após a partida, esteve no campo para a cerimônia de premiação junto às demais autoridades.

Rogério Caboclo ao lado de governantes e dirigentes, na Final da Libertadores, em Lima (Peru) Presidente da CBF, Rogério Caboclo, conversa com o Presidente do Peru, Martín Vizcarra, e demais dirigentes sul-americanos durante a final da Copa Libertadores
Créditos: Divulgação

O jogo deste sábado (23) marcou a primeira decisão com final única, nessa nova fase da competição organizada pela Confederação Sul-Americana de Futebol (Conmebol). O River Plate (Argentina) saiu na frente com Borré, aos 14 minutos do primeiro tempo, mas Gabigol fez os dois da virada, aos 43 e 46 do segundo, e levou o Rubro-Negro à virada cinematográfica.

Durante a permanência em território peruano, o Flamengo teve como chefe de delegação o secretário-geral da CBF, Walter Feldman. Em 2020, a Final da Copa Libertadores da América será realizada no Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ). Com o resultado, além de reconquistar um dos troféus mais almejados do planeta, o Fla garantiu uma vaga no Mundial de Clubes da Fifa, em dezembro, no Qatar.

— A Conmebol teve o imprevisto chileno e lidou de maneira muito correta e sensata. Dialogou sempre com os clubes, CBF e AFA, optando por trazer essa partida para Lima. Felicito o presidente Alejandro pela competição e, desde já, afirmo que o Brasil fará um evento espetacular em 2020, no Maracanã. Agora, desejamos sorte e sucesso ao Flamengo no Mundial — concluiu Rogério.