Definidas oficialmente as janelas de transferência internacionais para 2020

Definidas oficialmente as janelas de transferência internacionais para 2020

CBF recebeu autorização para elaborar uma solução excepcional em virtude da pandemia do coronavírus. Períodos serão de 20 de julho a 10 de agosto e 13 de outubro a 9 de novembro.

Artes padrão para ilustração de matérias no site: Registro e Transferências CBF recebeu autorização para elaborar uma solução excepcional em virtude da pandemia do coronavírus
Créditos: CBF

A FIFA publicou de forma oficial nesta sexta-feira o calendário das janelas de transferência internacionais do futebol brasileiro para 2020.

Por conta da pandemia de Covid-19, a Diretoria de Registro, Transferência e Licenciamento da CBF elaborou, junto aos clubes da Série A do Campeonato Brasileiro, um calendário com novas datas para as janelas de transferências envolvendo equipes do exterior. Desta forma, os períodos serão: 20 de julho a 10 de agosto e 13 de outubro a 9 de novembro.

A primeira janela representa um complemento ao período que foi aberto no início do ano e acabou prejudicado pelos efeitos do coronavírus. Já a segunda etapa, entre outubro e novembro, é uma remarcação daquela que estava, anteriormente, agendada para o meio do ano. 

No mês passado, a FIFA havia autorizado a CBF a elaborar uma solução excepcional para as janelas de transferência e, após uma reunião com os clubes na última segunda-feira, foi confeccionado um calendário e enviado para chancela da entidade máxima do futebol.