CBF realiza Seminário de Licenciamento para clubes da Série B

CBF realiza Seminário de Licenciamento para clubes da Série B

Representantes e presidentes conheceram mais sobre o sistema e elucidaram dúvidas na sede da CBF nesta quinta-feira (10)

Licenciamento de Clubes no Brasil: Estrutura e Critérios Técnicos - Enio Gualberto Junior

Licenciamento de Clubes no Brasil: Estrutura e Critérios Técnicos - Enio Gualberto Junior

Créditos: Gabriel Lopes/CBF

Licenciamento de Clubes no Brasil: Estrutura e Critérios Técnicos - Enio Gualberto Junior

Licenciamento de Clubes no Brasil: Estrutura e Critérios Técnicos - Enio Gualberto Junior

Créditos: Gabriel Lopes/CBF

Licenciamento de Clubes nas Competições da CONMEBOL - Julio Lansac

Licenciamento de Clubes nas Competições da CONMEBOL - Julio Lansac

Créditos: Gabriel Lopes/CBF

Breve Histórico sobre a Adoção do Licenciamento de Clubes no Brasil - Reynaldo Buzzoni

Breve Histórico sobre a Adoção do Licenciamento de Clubes no Brasil - Reynaldo Buzzoni

Créditos: Gabriel Lopes/CBF

Breve Histórico sobre a Adoção do Licenciamento de Clubes no Brasil - Reynaldo Buzzoni

Breve Histórico sobre a Adoção do Licenciamento de Clubes no Brasil - Reynaldo Buzzoni

Créditos: Gabriel Lopes/CBF

Breve Histórico sobre a Adoção do Licenciamento de Clubes no Brasil - Reynaldo Buzzoni

Breve Histórico sobre a Adoção do Licenciamento de Clubes no Brasil - Reynaldo Buzzoni

Créditos: Gabriel Lopes/CBF

Critérios Mínimos de Infraestrutura para a Série B em 2019 - Manoel Flores

Critérios Mínimos de Infraestrutura para a Série B em 2019 - Manoel Flores

Créditos: Lucas Lima/CBF

Critérios Mínimos de Infraestrutura para a Série B em 2019 - Manoel Flores

Critérios Mínimos de Infraestrutura para a Série B em 2019 - Manoel Flores

Créditos: Lucas Lima/CBF

Critérios Financeiros - Carlos Aragaki

Critérios Financeiros - Carlos Aragaki

Créditos: Lucas Lima/CBF

Seminário sobre Licenciamento de Clubes para a Série B de 2019 - Gustavo Hazan

Seminário sobre Licenciamento de Clubes para a Série B de 2019 - Gustavo Hazan

Créditos: Lucas Lima/CBF

Seminário sobre Licenciamento de Clubes para a Série B de 2019 - Gustavo Hazan

Seminário sobre Licenciamento de Clubes para a Série B de 2019 - Gustavo Hazan

Créditos: Lucas Lima/CBF

Apresentação de caso: Sociedade Esportiva Palmeiras - Luciano Paciello

Apresentação de caso: Sociedade Esportiva Palmeiras - Luciano Paciello

Créditos: Lucas Lima/CBF

Panorama Atual e Futuros Desafios do PROFUT - Luiz André

Panorama Atual e Futuros Desafios do PROFUT - Luiz André

Créditos: Lucas Lima/CBF

Panorama Atual e Futuros Desafios do PROFUT - Luiz André

Panorama Atual e Futuros Desafios do PROFUT - Luiz André

Créditos: Lucas Lima/CBF

Panorama Atual e Futuros Desafios do PROFUT - Luiz André

Panorama Atual e Futuros Desafios do PROFUT - Luiz André

Créditos: Lucas Lima/CBF

A CBF realizou um Seminário de Licenciamento para clubes da Série B nesta quinta-feira (10). O evento foi dividido em manhã e tarde e contou com a abertura de Walter Feldman, secretário-geral da CBF. Estiveram presentes representantes e presidentes de Remo, Paraná, Brasil-RS, Volta Redonda, São Bento, Figueirense, Guarani, Ponte Preta, Sport, Atlético-AC, Coritiba, Operário Ferroviário, Náutico, Oeste, Vitória, Paysandu, Vila Nova, Cuiabá, Globo, Atlético-GO, CRB, América-MG, Juventude e Santa Cruz.

Na primeira palestra do dia, Reynaldo Buzzoni, diretor de Registro, Transferência e Licenciamento de Clubes da CBF fez um breve histórico sobre a adoção do sistema no Brasil. O dirigente apresentou fatores motivados para a implementação da ferramenta, envolvendo a situação dos clubes, como débitos tributários persistentes e estádios inadequados, por exemplo. Também foram apresentados todos os requisitos que os clubes terão de cumprir em infra-estrutura,  finanças, jurídico, desportivo e administrativo. Buzzoni apresentou a estrutura do regulamento e deixou claro que a implementação ainda tem caráter educativo, não criando sanções aos clubes. 

O segundo palestrante do dia foi Julio Lansac, gerente de licenciamento de clubes da Conmebol. O profissional apresentou o processo de implementação do licenciamento na entidade e explicou como funciona o regulamento do sistema nas competições geridas pela instituição. Julio reforçou a necessidade da criação de uma equipe de futebol feminino na categoria profissional, a iluminação de ao menos 850 lux nos estádios e cabines e estrutura de imprensa nos campos quando falou sobre os requisitos obrigatórios. O programa de desenvolvimento da Conmebol, Evolución, também foi citado. É através dele que a entidade ajuda cada uma das associações com 50 mil dólares por ano para ajudar na implementação.

Enio Gualberto Junior, gerente de Licenciamento de Clubes da CBF, deu continuidade ao evento. O dirigente apresentou a agenda do sistema da CBF, tocando em temas como conceito, objetivo, estrutura, prazos e critérios técnicos. 

No período da tarde, Manoel Flores, diretor de competições da CBF, falou sobre os critérios mínimos de infra-estrutura para a Série B em 2019. O dirigente, inclusive, abriu a sua fala para perguntas e elucidou questões dos representantes dos clubes. Rômulo Reis. coordenador de estádios e segurança da CBF, apresentou soluções para o tema de sua pasta e deixou seus contatos à disposição dos participantes para o restante da temporada que se inicia. 

Carlos Aragaki, consultor financeiro da BDO, apresentou uma agenda para soluções financeiras e apresentou os aspectos contábeis do PROFUT. Luciano Paciello, consultor financeiro do Palmeiras, falou na sequência e apresentou uma prévia do plano de gestão do clube iniciado em 2013. Um dos pontos de maior destaque da palestra do profissional foi quando ele exibiu comparativos, como "relação da dívida líquida x receita x resultado operacional". Encerrando o evento, Luiz André, presidente da Autoridade Pública de Governança do Futebol (APFUT), deu um panorama atual e falou sobre os futuros desafios do PROFUT. 


Veja mais