Presidente Rogério Caboclo recebe Comenda da Ordem do Mérito Judiciário do Trabalho

Presidente Rogério Caboclo recebe Comenda da Ordem do Mérito Judiciário do Trabalho

Presidente da CBF foi homenageado em solenidade que contou com as presenças dos presidentes da República e do Supremo, de ministros e juristas em Brasília

Presidente Rogério Caboclo com os ministros do TST Guilherme Caputo Bastos e Alexandre de Souza Agra Belmonte

Presidente Rogério Caboclo com os ministros do TST Guilherme Caputo Bastos e Alexandre de Souza Agra Belmonte

Créditos: Lucas Figueiredo/CBF

Presidente da CBF Rogério Caboclo recebe comenda da Ordem do Mérito Judiciário do Trabalho das mãos do Ministro Emmanoel Pereira

Presidente da CBF Rogério Caboclo recebe comenda da Ordem do Mérito Judiciário do Trabalho das mãos do Ministro Emmanoel Pereira

Créditos: Fellipe Sampaio/TST

Presidente da CBF, Rogério Caboclo, conversa com os ministros do TST Guilherme Caputo Bastos e Alexandre de Souza Agra Belmonte e com o vice-presidente jurídico da CBF, Carlos Eugênio Lopes

Presidente da CBF, Rogério Caboclo, conversa com os ministros do TST Guilherme Caputo Bastos e Alexandre de Souza Agra Belmonte e com o vice-presidente jurídico da CBF, Carlos Eugênio Lopes

Créditos: Lucas Figueiredo/CBF

Presidente da CBF, Rogério Caboclo, conversa com a desembargadora Ana Paula Pelegrina Lockmann, com o juiz Rui Cesar Publio Borges Correa e com o ministro Guilherme Caputo Bastos

Presidente da CBF, Rogério Caboclo, conversa com a desembargadora Ana Paula Pelegrina Lockmann, com o juiz Rui Cesar Publio Borges Correa e com o ministro Guilherme Caputo Bastos

Créditos: Lucas Figueiredo/CBF

Presidente da CBF,  Rogério Caboclo, com o ministro do TST Guilherme Caputo Bastos

Presidente da CBF, Rogério Caboclo, com o ministro do TST Guilherme Caputo Bastos

Créditos: Lucas Figueiredo/CBF

O presidente da CBF, Rogério Caboclo, recebeu a Comenda da Ordem do Mérito Judiciário do Trabalho em uma concorrida solenidade na sede do TST, em Brasília (DF), na tarde desta terça-feira (13). O dirigente foi condecorado com honraria no Grau Comendador. Na mesma cerimônia, o presidente da República, Jair Bolsonaro, e o presidente do Supremo Tribunal Federal, ministro Dias Toffoli, também foram agraciados, além de ministros do governo, ministros do STF, comandantes militares e juristas.

– É um privilégio estar aqui no maior Tribunal Trabalhista do país. Um dos maiores do mundo em termos de números de ações, de uma super eficiência e de ministros modernos, como é o caso do ministro Caputo Bastos, que é um profundo estudioso do direito trabalhista na área específica do futebol e do esporte. É com muito entusiasmo que a gente recebe uma condecoração dessa. É um reconhecimento ao trabalho que a gente inicia, ao trabalho que a CBF vem fazendo, e, principalmente, das melhorias que estão sendo implementadas em termos trabalhistas, de geração de empregos, da cadeia produtiva do futebol, feito por esta corte tão respeitada. Me sinto honrado – declarou o presidente Rogério Caboclo. 

A Ordem do Mérito Judiciário do Trabalho foi instituída para homenagear quem se destaca no exercício de sua profissão, serve de exemplo para a sociedade ou, de algum modo, contribui para o engrandecimento do Brasil. A solenidade foi realizada pela primeira vez em 1970 e, neste ano de 2019, apresentou 51 agraciados, sendo 49 pessoas e duas instituições, a Associação Pestalozzi de Brasília e a Faculdade de Direito da Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF).

Presidente da CBF, Rogério Caboclo, recebe a Comenda da Ordem do Mérito Judiciário do Trabalho das mãos do ministro Emmanoel Pereira Presidente da CBF, Rogério Caboclo, recebe a Comenda da Ordem do Mérito Judiciário do Trabalho das mãos do ministro Emmanoel Pereira
Créditos: Fellipe Sampaio / TST

A homenagem ao presidente Rogério Caboclo foi proposta pelo ministro do Tribunal Superior do Trabalho, Guilherme Caputo Bastos, que é o presidente da Academia Nacional de Direito Desportivo e tem amplo e relevante trabalho dedicado ao esporte. Caputo Bastos justificou a indicação do nome de Caboclo pela qualidade da gestão da Confederação Brasileira de Futebol. 

– Nós elegemos, através de um critério bastante rigoroso, as nossas indicações de pessoas, sendo autoridades públicas ou da iniciativa privada, que tenham efetivamente prestado um relevante serviço à sociedade brasileira. O presidente da CBF se encaixa nesse sistema. O Rogério Caboclo tem feito um trabalho magnífico. Ele tem demonstrado uma dedicação absolutamente exclusiva, o que é difícil às vezes, e uma atitude de extrema transparência, com um contato democrático. Fiquei muito tranquilo ao fazer a indicação do presidente Rogério Caboclo e ela passou por unanimidade pelo nosso Conselho e pelo órgão especial. Todos também reconheceram os méritos desta indicação. Com isso, espero ter homenageado o desporto, ter homenageado o futebol, a Confederação Brasileira de Futebol e, sobretudo, a pessoa do Rogério Caboclo – destacou. 

Agraciados: 

Associação Pestalozzi de Brasília
Faculdade de Direito da Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF)
Jair Bolsonaro
Davi Alcolumbre
José Antonio Dias Toffoli
Antônio Hamilton Mourão
Sérgio Moro
André Luiz de Almeida Mendonça
Rodrigo Maia
Fernando Azevedo e Silva
Ilques Barbosa Junior
Luís Roberto Barroso
Augusto Heleno Ribeiro Pereira
Edson Leal Pujol
Edson Fachin
João Otávio de Noronha
Antônio Carlos Morette Bermudez
Alexandre de Moraes
Marcos Vinícius Oliveira dos Santos
Onyx Lorenzoni
Ibaneis Rocha Barros Júnior
Humberto Eustáquio Soares Martins
Arnaldo Hossepian Salles Lima Júnior
Marcus Pinamugnaini 
Marcelo Navarro Ribeiro Dantas
Valdetário Andrade Monteiro
Eliney Bezerra Veloso
Daldice Maria Santana de Almeida
Maria de Lourdes Linhares Lima de Oliveira
Fernando César Baptista de Mattos
Pastora do Socorro Teixeira Leal
Bruno Silva Dalcolmo
Leonardo Eules de Morais
Aureo Ludovico de Paula
Ney de Barros Bello Filho
Délio Lins e Silva Júnior
Rossandro Klinjey Irineu Barros
Carlos Vieira Von Adamek
Alessandra Camarano Martins
Plínio Conte Leite Bittencourt
João Alfredo Borges Antunes de Miranda
Rogério Caboclo
Israel Ramos de França
Ana Luiza Heineck Kruse
Eduardo Carlos Bianca Bittar
Guilherme Guimarães Feliciano
Maria das Graças Gonçalves Oliveira
Luciano Andrade Pinheiro
João Carlos Mayer Soares
Renata Mouta Pereira Pinheiro
Norbey Londoño Buitrago