Com Washington e Juninho Paulista, Seleção na Minha Cidade deixa sua marca em Brasília

Com Washington e Juninho Paulista, Seleção na Minha Cidade deixa sua marca em Brasília

Com programação cheia, CBF promoveu diferentes ações sociais para contribuir com o povo brasiliense

Festival de Futebol no CT do Brasiliense com Washington e Juninho Paulista

Festival de Futebol no CT do Brasiliense com Washington e Juninho Paulista

Créditos: Matheus Meyohas/CBF

Festival de Futebol no CT do Brasiliense com Washington e Juninho Paulista

Festival de Futebol no CT do Brasiliense com Washington e Juninho Paulista

Créditos: Matheus Meyohas/CBF

Festival de Futebol no CT do Brasiliense com Washington e Juninho Paulista

Festival de Futebol no CT do Brasiliense com Washington e Juninho Paulista

Créditos: Matheus Meyohas/CBF

Festival de Futebol no CT do Brasiliense com Washington e Juninho Paulista

Festival de Futebol no CT do Brasiliense com Washington e Juninho Paulista

Créditos: Matheus Meyohas/CBF

Festival de Futebol no CT do Brasiliense com Washington e Juninho Paulista

Festival de Futebol no CT do Brasiliense com Washington e Juninho Paulista

Créditos: Matheus Meyohas/CBF

Festival de Futebol no CT do Brasiliense com Washington e Juninho Paulista

Festival de Futebol no CT do Brasiliense com Washington e Juninho Paulista

Créditos: Matheus Meyohas/CBF

Festival de Futebol no CT do Brasiliense com Washington e Juninho Paulista

Festival de Futebol no CT do Brasiliense com Washington e Juninho Paulista

Créditos: Matheus Meyohas/CBF

Festival de Futebol no CT do Brasiliense com Washington e Juninho Paulista

Festival de Futebol no CT do Brasiliense com Washington e Juninho Paulista

Créditos: Matheus Meyohas/CBF

Festival de Futebol no CT do Brasiliense com Washington e Juninho Paulista

Festival de Futebol no CT do Brasiliense com Washington e Juninho Paulista

Créditos: Matheus Meyohas/CBF

Festival de Futebol no CT do Brasiliense com Washington e Juninho Paulista

Festival de Futebol no CT do Brasiliense com Washington e Juninho Paulista

Créditos: Matheus Meyohas/CBF

Festival de Futebol no CT do Brasiliense com Washington e Juninho Paulista

Festival de Futebol no CT do Brasiliense com Washington e Juninho Paulista

Créditos: Matheus Meyohas/CBF

Festival de Futebol no CT do Brasiliense com Washington e Juninho Paulista

Festival de Futebol no CT do Brasiliense com Washington e Juninho Paulista

Créditos: Matheus Meyohas/CBF

Festival de Futebol no CT do Brasiliense com Washington e Juninho Paulista

Festival de Futebol no CT do Brasiliense com Washington e Juninho Paulista

Créditos: Matheus Meyohas/CBF

Festival de Futebol no CT do Brasiliense com Washington e Juninho Paulista

Festival de Futebol no CT do Brasiliense com Washington e Juninho Paulista

Créditos: Matheus Meyohas/CBF

Seminário do CBF Social com Washington e Juninho Paulista na UNICEUB, em Brasília

Seminário do CBF Social com Washington e Juninho Paulista na UNICEUB, em Brasília

Créditos: Caio Santana/Uniceub

Seminário do CBF Social com Washington e Juninho Paulista na UNICEUB, em Brasília

Seminário do CBF Social com Washington e Juninho Paulista na UNICEUB, em Brasília

Créditos: Caio Santana/Uniceub

Seminário do CBF Social com Washington e Juninho Paulista na UNICEUB, em Brasília

Seminário do CBF Social com Washington e Juninho Paulista na UNICEUB, em Brasília

Créditos: Caio Santana/Uniceub

Seminário do CBF Social com Washington e Juninho Paulista na UNICEUB, em Brasília

Seminário do CBF Social com Washington e Juninho Paulista na UNICEUB, em Brasília

Créditos: Caio Santana/Uniceub

Seminário do CBF Social com Washington e Juninho Paulista na UNICEUB, em Brasília

Seminário do CBF Social com Washington e Juninho Paulista na UNICEUB, em Brasília

Créditos: Caio Santana/Uniceub

Seminário do CBF Social com Washington e Juninho Paulista na UNICEUB, em Brasília

Seminário do CBF Social com Washington e Juninho Paulista na UNICEUB, em Brasília

Créditos: Caio Santana/Uniceub

Seminário do CBF Social com Washington e Juninho Paulista na UNICEUB, em Brasília

Seminário do CBF Social com Washington e Juninho Paulista na UNICEUB, em Brasília

Créditos: Caio Santana/Uniceub

Seminário do CBF Social com Washington e Juninho Paulista na UNICEUB, em Brasília

Seminário do CBF Social com Washington e Juninho Paulista na UNICEUB, em Brasília

Créditos: Caio Santana/Uniceub

Seminário do CBF Social com Washington e Juninho Paulista na UNICEUB, em Brasília

Seminário do CBF Social com Washington e Juninho Paulista na UNICEUB, em Brasília

Créditos: Caio Santana/Uniceub

Seminário do CBF Social com Washington e Juninho Paulista na UNICEUB, em Brasília

Seminário do CBF Social com Washington e Juninho Paulista na UNICEUB, em Brasília

Créditos: Caio Santana/Uniceub

Seminário do CBF Social com Washington e Juninho Paulista na UNICEUB, em Brasília

Seminário do CBF Social com Washington e Juninho Paulista na UNICEUB, em Brasília

Créditos: Caio Santana/Uniceub

Seminário do CBF Social com Washington e Juninho Paulista na UNICEUB, em Brasília

Seminário do CBF Social com Washington e Juninho Paulista na UNICEUB, em Brasília

Créditos: Caio Santana/Uniceub

Seminário do CBF Social com Washington e Juninho Paulista na UNICEUB, em Brasília

Seminário do CBF Social com Washington e Juninho Paulista na UNICEUB, em Brasília

Créditos: Caio Santana/Uniceub

Seminário do CBF Social com Washington e Juninho Paulista na UNICEUB, em Brasília

Seminário do CBF Social com Washington e Juninho Paulista na UNICEUB, em Brasília

Créditos: Caio Santana/Uniceub

Seminário do CBF Social com Washington e Juninho Paulista na UNICEUB, em Brasília

Seminário do CBF Social com Washington e Juninho Paulista na UNICEUB, em Brasília

Créditos: Caio Santana/Uniceub

Seminário do CBF Social com Washington e Juninho Paulista na UNICEUB, em Brasília

Seminário do CBF Social com Washington e Juninho Paulista na UNICEUB, em Brasília

Créditos: Caio Santana/Uniceub

Seminário do CBF Social com Washington e Juninho Paulista na UNICEUB, em Brasília

Seminário do CBF Social com Washington e Juninho Paulista na UNICEUB, em Brasília

Créditos: Caio Santana/Uniceub

Brasil x Catar no Estádio Nacional de Brasília

Brasil x Catar no Estádio Nacional de Brasília

Créditos: Lucas Figueiredo/CBF

Brasil x Catar no Estádio Nacional de Brasília

Brasil x Catar no Estádio Nacional de Brasília

Créditos: Lucas Figueiredo/CBF

Brasil x Catar no Estádio Nacional de Brasília

Brasil x Catar no Estádio Nacional de Brasília

Créditos: Lucas Figueiredo/CBF

A quarta-feira foi movimentada em Brasília. Antes do jogo entre Brasil e Catar, no Mané Garrincha, a CBF promoveu uma série de ações sociais para celebrar a união entre o futebol e o povo brasiliense. É o projeto Seleção na Minha Cidade, que acompanha os jogos da Seleção Brasileira nos jogos ao redor do país.

A programação foi aberta com um seminário no auditório da Uniceub. Com a presença de Juninho Paulista e Washington, dois ex-jogadores da Seleção Brasileira, o evento abriu a programação de ações sociais organizadas pela CBF durante a quarta-feira, dia em que Brasília recebe o amistoso entre Brasil e Catar.

Apresentado por Diogo Netto, Gerente de Desenvolvimento, Responsabilidade Social e Sustentabilidade da CBF, o seminário foi aberto com uma apresentação do doutor Walter Feldman. Durante sua explanação, Feldman discorreu um pouco sobre o trabalho que vem sendo realizado pela entidade tanto no âmbito desportivo quanto no âmbito social. Diante d eum auditório repleto de estudantes universitários, ele valorizou o papel do professor de educação física na formação da sociedade.

- Há pesquisas que mostram isso. A criança que pratica atividade física regular desenvolve um neuro transmissor que facilita a capacidade cognitiva. A criança aumenta a possibilidade de apreensão das informações que são passadas em sala de aula. Até a educação pode melhorar muito se tiver uma atividade física regular. É o que nós da CBF estamos propondo para o Brasil. Temos um programa chamado CBF Social Gol do Brasil, que pretende implantar escolinhas do futebol para as crianças brasileiras - disse.

Em seguida, foi a vez de Washington falar. Brasiliense, o ex-atacante contou um pouco da história de superação que formou sua vida. Com um problema de insuficiência cardíaca, correu sérios riscos de morte durante a carreira. Quando descobriu o problema, se tornou o primeiro jogador brasileiro a atuar com stents no coração. Daí, veio o apelido de Coração Valente, pelo qual se eternizou em tantos clubes brasileiros. Em especial no Athletico-PR. Foi no Furacão que Washington, em 2004, tornou-se o maior artilheiro de uma única edição do Campeonato Brasileiro, com 34 gols.

Após a aposentadoria, Washington apostou na política como uma forma de seguir fomentando o esporte e transformando a sociedade. Atualmente, ocupa o cargo de Secretário Nacional de Esportes e Lazer e temcomo uma das principais missões pavimentar essa relação entre o esporte e a cidadania.

- Eu não vejo uma ferramenta maior do que o esporte para transformação social. Não tem. Não é porque eu fui atleta, mas tão importante como o esporte, não tem. E nossa briga é justamente essa: fazer com que o esporte cresça. Dentro da política, nós temos um tripé. A educação,a saúde e a segurança. O esporte está ligado às três - destacou.

Por fim, foi a vez do pentacampeão mundial Juninho Paulista falar para os presentes. O ex-jogador agora é Diretor de Desenvolvimento do Futebol na CBF e destacou dois pontos fundamentais em seu trabalho: a visão de futebol que ele traz e a necessidade de fomento à prática do futebol pelas meninas.

- O Rogério (Caboclo) quer uma visão nossa, mais próxima do campo, aliada à de quem estudou. Foi formado o Conselho de Craques, ex-atletas, o Parreira, o Muricy, o futebol feminino está representado. A iniciação não vai ter essa diferença: o masculino e o feminino vão ser juntos. Esse fomento que estamos iniciando.

Após as falas, foram distribuídas camisas da Seleção Brasileira e um par de ingressos para o jogo do Brasil diante do Catar, no Mané Garrincha. A programação seguiu com uma entrega de camisa na casa de apoio da Abrace (Associação Brasileira de Assistência às Famílias de Crianças Portadoras de Câncer e Emopatias), em Brasília.

Washington e Juninho conheceram as instalações da casa de apoio, falaram com as crianças e entregaram à presidente da Abrace, Maria Angela Marini, uma camisa da Seleção Brasileira autografada pelo elenco do time. Maria Angela Marini agradeceu o trabalho realizado pela CBF e descreveu a importância de ações como a desta quarta-feira.

- É uma honra. O Washington tem um caso de superação na vida pessoal, como atleta, continuando e sendo um grande conquistador. Os dois juntos, né? São exemplos que não podemos perder, que incentivam as crianças, os jovens, o que é bom para a saúde. Aqui na Abrace, temos esse fomento, de valorização da vida - disse.

Na parte da tarde, foi organizado o Festival de Futebol de Brasília. No CT do Brasiliense, mais de cem crianças receberam lições pedagógicas, que trabalham as dez habilidades para a vida, trabalhadas sempre pelo CBF Social. Durante as aulas de futebol, foram passados exercícios que promovem o senso de igualdade, justiça, lealdade, trabalho em grupo, entre outros aspectos que vão além das quatro linhas.

Após as atividades, o secretário-geral da CBF, Walter Feldman, valorizou a necessidade de se formar muito mais do que jogadores, mas cidadãos. Representante da Secretaria Especial do Esporte, Ronaldo Lima também esteve presente no Festival do Futebol. Washington e Juninho discursaram diante das crianças, enfatizando a necessidade de valorizar a educação, mesmo que o sonho seja de ser jogador de futebol, e ficar longe das armadilhas que muitas vezes a vida nos proporciona.

Por fim, minutos antes do amistoso entre Brasil e Catar, Washington foi homenageado com uma camisa da Seleção Brasileira. O número escolhido foi o 21, que vestiu durante sua passagem pela Seleção. Brasiliense, Washington é um exemplo de superação e de perseverança não só no futebol, como na vida.