Futebol Pela Amizade (F4F) é lançado em Brasília

Futebol Pela Amizade (F4F) é lançado em Brasília

Evento apresentou atletas de base que representarão o Brasil em Moscou pelo programa e revelou parte das atividades que serão desenvolvidas no país da Copa

Futebol Pela Amizade (F4F) é lançado em Brasília

Futebol Pela Amizade (F4F) é lançado em Brasília

Créditos: André Silva

Futebol Pela Amizade (F4F) é lançado em Brasília

Futebol Pela Amizade (F4F) é lançado em Brasília

Créditos: André Silva

Futebol Pela Amizade (F4F) é lançado em Brasília

Futebol Pela Amizade (F4F) é lançado em Brasília

Créditos: André Silva

Futebol Pela Amizade (F4F) é lançado em Brasília

Futebol Pela Amizade (F4F) é lançado em Brasília

Créditos: André Silva

Futebol Pela Amizade (F4F) é lançado em Brasília

Futebol Pela Amizade (F4F) é lançado em Brasília

Créditos: André Silva

A edição de 2018 do programa F4F, Football for Friendship (Futebol pela Amizade), foi lançada em Brasília, nesta quinta-feira (19). A cerimônia aconteceu na Embaixada da Rússia, país anfitrião da Copa do Mundo deste ano, que também receberá o evento do projeto no mesmo período. Foram apresentados os dois adolescentes que representarão o Brasil como jovens embaixadores, em Moscou, no mês de junho. Durante o evento, Ministério do Turismo e Embratur, apresentaram, em primeira mão, ações brasileiras que serão executadas na Rússia durante a copa.

Organizado pela Gazprom e promovido pela FIFA, neste ano, o F4F tem o objetivo de envolver as gerações mais jovens na promoção de importantes valores humanos e da integração dos povos pela prática do futebol. Os representantes do Brasil foram escolhidos através de uma parceria entre da CBF e o Fluminense, instituições engajadas pela causa. O programa engloba o Sexto Fórum Internacional para Crianças e também a disputa do Campeonato Mundial de Futebol pela Amizade, em Moscou, de 11 a 15 de junho, com 211 países.

Diogo Netto, gerente de Desenvolvimento Técnico, Responsabilidade Social e Sustentabilidade da CBF, participou do jantar com o embaixador da Rússia no Brasil, Sergei Akopov, e o presenteou com uma camisa personalizada da Seleção Brasileira. O representante da Confederação Brasileira de Futebol falou sobre a parceira da instituição com o Fluminense na escolha dos jovens e valorizou o método de ensino por meio do futebol, embasado nas habilidades e competências promovidas pela ONU.

–O que a CBF Social promove é o mesmo que vai acontecer no F4F: como ensinar valores morais por meio do futebol. O programa é um grande “festival” de atividades educativas e esportivas e, no campeonato, os atletas mirins não irão disputar uma nacionalidade contra a outra, mas sim integrados em times mistos (meninos e meninas) com representantes de diversos países – explicou.

Jogador das categorias de base do Fluminense, Gustavo Cintra, 13 anos, é o jovem embaixador que integrará um dos 32 times mistos para a disputa do torneio. O rapaz, que representa o clube desde no ano passado, recrutado por olheiro do Tricolor carioca quando disputava o campeonato paulista Sub-11, mostrou alegria por representar a sua pátria no projeto.

– Estou muito honrado de poder representar o Brasil e meu clube na Rússia. Nunca imaginei que, tão jovem, eu fosse jogar bola com gente de todo o mundo. Fico muito feliz de poder participar, conhecer novas culturas e fazer novas amizades – afirmou. 

A saltadora ornamental, também do Fluminense, Luíza Zein, 12 anos, será repórter mirim no Centro de Imprensa Internacional para Crianças do F4F. A adolescente será responsável, ainda, por apresentar valores a serem discutidos no Fórum, o que a enche de expectativa pela participação.

– Os temas que vou levar para a discussão são o combate a intolerância e a igualdade de gêneros. Estou estudando muito sobre eles porque quero fazer a diferença na vida desses jovens, baseada nas minha experiências. Sempre joguei futebol, mas sempre era a última a ser escolhida, por ser menina. Isso sempre me incomodou. Com a chegada dessa oportunidade, eu resolvi levar isso às outras pessoas – destacou ela.

O Embaixador russo, Sergei Akopov, apresentou os nove valores-chave do programa F4F: amizade, igualdade, justiça, saúde, paz, devoção, vitória, tradição e honra. E completou: – Estes são conceitos em que a Rússia acredita e apoia. Nesse mundo redondo com uma bola de futebol devemos dar as mãos aos outros povos, porque só assim, juntos, unidos em harmonia, as nações se fortalecerão.

Roberto Alves, Ministro Interino do Turismo, destacou que o evento será uma boa chance de apresentar o Brasil para o mundo: – A ocasião é uma oportunidade para mostrarmos o que verdadeiramente representa o nosso país para o planeta, o que somos. Vamos apresentar isso em Moscou. 

Marcelo Lima Costa, presidente da Embratur, reforçou o discurso e deu alguns detalhes do evento: – Vamos apresentar as riquezas brasileiras, a história do nosso futebol e a nossa rica cultura. Tudo isso vai acontecer na Praça Vermelha, em Moscou, um dos pontos turísticos mais importantes do país. Em um shopping tradicional que existe lá, vamos fazer um enorme corredor com cenário brasileiro e levar diversas representações da cultura brasileira, como escola de samba, frevo, bumba meu boi, Bolshoi de Joinville.