Conterrânea de Marta, adolescente alagoana sonha em ser jogadora

Conterrânea de Marta, adolescente alagoana sonha em ser jogadora

Raíssa Vitória Feliciano participou das atividades da CBF Social em Maceió (AL) e conta que Marta é a prova que seu sonho pode se realizar

Festival de Futebol Feminino no Estádio Rei Pelé, em Maceió (AL)

Créditos: Beatriz Menezes

Raíssa Vitória tem 15 anos, mora no complexo de Gama Lins, em Maceió, e seu maior sonho é ser jogadora de futebol. A jovem participou da seletiva do CBF Social de futebol feminino realizada esta semana na cidade. Mesmo sem ser uma das escolhidas pelos representantes de clubes brasileiros presentes, ela tem certeza que um dia chegará a sua vez. 

- Moro longe daqui, mas quando eu soube da seletiva da CBF eu chorei, pensei “vai dar certo" e mesmo sem eu ter passado, foi uma oportunidade incrível. Fui tão motivada durante esses dias, por isso não vou desistir. Eu dei o meu melhor, e mesmo não sendo o suficiente para agora, sei que será no futuro - disse Raíssa.

Festival de Futebol Feminino no Estádio Rei Pelé, em Maceió (AL) Raíssa Vitória Feliciano no Estádio Rei Pelé, em Maceió (AL)
Créditos: Beatriz Menezes

Oriunda de uma família de baixa renda, Raíssa conta que a mãe faz o que pode para a impulsionar. A jovem sonhadora afirma que suas dificuldades a fazem lembrar de Marta, que superou os desafios e chegou onde está.

- Por eu ser daqui de Alagoas, da terra da Marta, sinto que tenho que dar o melhor, cada vez mais, porque se ela conseguiu, então também posso - afirmou.

Após participar do Festival de Futebol desta sexta-feira (18), Raíssa diz que viveu um sonho ao jogar no Rei Pelé. Ao ouvir de da ex-jogadora da Seleção, Michael Jackson, que esse é só o começo, garante que irá lutar para alcançar todos os seus objetivos. 


Veja mais