CBF Social promove seminário e festival de futebol no Amapá

CBF Social promove seminário e festival de futebol no Amapá

Na última semana, o Amapá recebeu palestras e atividades promovidas pela CBF Social. O projeto tem como objetivo incentivar o desenvolvimento do futebol

CBF Social promove seminário e festival de futebol no Amapá

Créditos: Twitter / Federação Amapaense de Futebol

Nas últimas quinta (15) e sexta-feira (16), a CBF Social foi ao Amapá com o objetivo de promover o desenvolvimento do futebol no estado. O seminário realizado pela Federação Amapaense de Futebol (FAF), em parceria com a CBF Social, reuniu mais de 200 pessoas no auditório do Museu Sacana logo no primeiro dia de programação. 

O evento contou com a presença de Diogo Netto, gerente de Desenvolvimento Técnico, Responsabilidade Social e Sustentabilidade da CBF, com Paulo Victor Ramos, treinador da Seleção sub-15, Fernando Soleira, coordenador da Comissão Médica e de Combate à Dopagem da CBF e o com o Presidente da FAF, Netto Góes.

Treinador Paulo Victor Ramos ensinando crianças no Festival de Futebol
Créditos: Twitter / Federação Amapaense de Futebol

Paulo Victor palestrou sobre o tema “Identificação e desenvolvimento do talento no futebol”. O treinador apontou para importância do ensino de valores e não somente a prática do esporte.

- Queremos atletas talentosos, mas com mentalidade firme, com garra para lutar pelas vitórias em unidade com toda equipe. É em busca disso que percorremos o Brasil - disse.

Além disso, Diogo Netto falou sobre a proposta de trabalho na seleção brasileira, enquanto Fernando Soleira, a respeito da prevenção ao doping no futebol.

Diogo Netto em palestra sobre a CBF Social
Créditos: Twitter / Federação Amapaense de Futebol

No dia seguinte, um festival de futebol esquentou a manhã de crianças de 9 a 13 de idade, que participaram de atividades em campo, com a orientação da equipe da CBF. O exercício buscou despertar nos pequenos o sonho de se tornarem jogadores e representarem o Amapá no cenário nacional. 


Créditos: Twitter / Federação Amapaense de Futebol