Segunda turma da pré-temporada da arbitragem feminina é aberta

Segunda turma da pré-temporada da arbitragem feminina é aberta

Curso será 100% feminino, com instrutoras brasileiras e da FIFA, além das 33 árbitras participantes

 

A segunda turma do curso RAP-FIFA Feminino foi aberta oficialmente na noite desta segunda-feira (19). O evento deu início à pré-temporada de 33 profissionais (15 árbitras e 18 assistentes), que permanecerão no Rio de Janeiro até a sexta-feira (23). A condução das aulas é 100% feminina, tendo Regildênia Moura, responsável pela arbitragem feminina da CBF, como principal comandante das atividades.

Regildênia terá a seu lado as instrutoras brasileiras Janete Arcanjo, Ana Karina, Simone Xavier, Aldeilma Luzia, Izabel Moura, Cleidy Mary e Silvia Regina, primeira mulher a apitar jogos do Campeonato Paulista A-1 e da Série A do Campeonato Brasileiro.

O curso também terá a presença de duas instrutoras da FIFA: a chilena Barbra Bastias e a uruguaia Ana Leite. Na primeira turma, a argentina Sabrina Lois fez parte da pré-temporada.

"A expectativa é muito grande para realizar mais um grande trabalho para desenvolver as árbitras e instrutoras do Brasil. Quando fazemos esse intercâmbio com as instrutoras FIFA, acaba que desenvolvem as nossas instrutoras para que elas possam replicar nos estados e também ajudar no desenvolvimento das árbitras do Brasil", enalteceu Regildênia.

Curso RAP-FIFA - Segunda turma da pré-temporada da arbitragem feminina Curso RAP-FIFA - Segunda turma da pré-temporada da arbitragem feminina
Créditos: Joilson Marconne / CBF

Encarregada das atividades físicas, Ana Leite e Barbra Bastias elogiaram a iniciativa da CBF de realizar um curso inteiramente feminino, desde participantes a instrutoras. 

"Estar no Brasil é um prazer, é uma federação das melhores da América do Sul e do mundo. É sempre uma honra estar aqui. O desenvolvimento feminino que estamos vendo é gigante. Para mim, é o primeiro curso que venho que somos todas mulheres, instrutoras, técnicas, físicas, participantes. É um prazer mais grande ainda ver isso na América do Sul", disse Ana Leite.

"A Federação Brasileira é uma federação forte em conhecimento, em capacidade, em desenvolvimento, sempre está em vanguarda. E isso é uma prova disso. Fazer um curso onde todo o staff técnico e participantes sejam femininos é algo que é um progresso para nós", exaltou Barbra Bastias.

Curso RAP-FIFA - Segunda turma da pré-temporada da arbitragem feminina Segunda turma da pré-temporada da arbitragem feminina foi aberta
Créditos: Joilson Marconne / CBF

Árbitra do quadro da FIFA e filiada à Federação Mineira de Futebol (FMF), Andreza Siqueira comentou a oportunidade de se desenvolver em um curso 100% de mulheres.

"É excelente para o quadro feminino, porque a gente pode ter uma interação melhor com árbitras de outros estados. É uma forma de adquirir conhecimento com as instrutoras, que também são mulheres. É uma valorização do quadro feminino, tanto da CBF, e é um exemplo para o mundo também", agradeceu.

A abertura da segunda turma acontece no dia seguinte a um marco histórico para a arbitragem brasileira. Na final da Supercopa Feminina entre Corinthians e Cruzeiro nesse domingo (18), a árbitra Deborah Cecília Cruz Correia explicou, pela primeira vez, para todo o estádio a decisão revisada pelo VAR. A ação conta com a aprovação da FIFA e busca levar mais transparência aos torcedores.

Curso RAP-FIFA - Segunda turma da pré-temporada da arbitragem feminina Curso RAP-FIFA - Segunda turma da pré-temporada da arbitragem feminina
Créditos: Joilson Marconne / CBF

Confira as árbitras que participarão do curso:

Amazonas
Aline Miranda

Bahia
Jady Caldas
Jamily Costa

Ceará
Elizabete Gomes
Débora Beatriz

Distrito Federal
Cassia Franca
Anna Carolina Souza

Goiás
Jordana Pereira

Maranhão
Nicolly Freitas

Minas Gerais
Andreza Siqueira
Francielly Lima
Juliana Nascimento

Pará
Gleika Pinheiro

Paraíba
Ruthyanna Silva

Pernambuco
Elaine Silva
Elaise Juliana

Piauí
Maura Cunha

Paraná
Maria Brandelero

Rio de Janeiro
Luciana Mafra
Rejane Caetano
Juliana Martins
Michele Cristina

Rio Grande do Norte
Debora Rayane

Rio Grande do Sul
Andressa Hartmann
Estefani Adriati

Santa Catarina
Jaqueline Blasius
Taís Cristovão

São Paulo
Daiane Muniz
Marianna Batalha
Juliana Vicentin
Marcela Almeida
Patrícia Carla

Tocantins
Alvani Brito

PATROCINADORES

A CBF Nike Guaraná Antartica Vivo Itaú Neoenergia Mastercard Gol Cimed Pague Menos TCL Semo Technogym Core Laser Mectronic Kin Analytics