Presidente da Comissão de Arbitragem da CBF esclarece dúvidas dos torcedores

Presidente da Comissão de Arbitragem da CBF esclarece dúvidas dos torcedores

Sérgio Corrêa fala sobre escala e atuação dos árbitros no Campeonato Brasileiro

Arte Arbitragem 2015 Arte Arbitragem 2015
Créditos: MoWA Sports

Torcedores brasileiros enviaram perguntas sobre o trabalho dos árbitros, pelas redes sociais da CBF (Facebook e Twitter). O presidente da Comissão de Arbitragem da CBF, Sérgio Corrêa, falou sobre os temas abordados e esclareceu algumas dúvidas. Confira as informações.

O árbitro de Corinthians x Sport acertou ao marcar o pênalti, na partida desta quarta-feira?

Sim. Ele acertou. Assistimos à partida e avaliamos que ele teve uma atuação muito correta.

É o primeiro caso de árbitro em jogo de um time do mesmo Estado?

Não. Temos 18 casos de árbitros que atuaram em jogos de equipes do mesmo estado de sua federação. Lembrando que a definição acontece em sorteio aberto ao público, na sede da CBF. Se contar os assistentes ultrapassamos cinco dezenas de casos.

Abaixo quadro com o número de jogos que adotamos este procedimento: 

CP

JOGOS

A & AA

S-A

18

54

S-B

01

01

S-C

120

120

S-D

96

192

CB-F

53

212

S-17

58

232

S-20

60

240

TOTAL

406

1.051

Veja anexo com o sistema de designações (colunas do sorteio).

Por que o quarteto de arbitragem de SP trabalhou no jogo do Corinthians?

No sorteio de arbitragem para a partida Corinthians x Sport, havia duas colunas possíveis. Uma com os árbitros de São Paulo e outra formada por um quarteto de Pernambuco, inclusive o Delegado Especial. Foi sorteada a coluna com os árbitros de São Paulo. Na próxima rodada, o árbitro Sandro Meira Ricci, que atuou pela Federação Pernambucana de Futebol durante algumas temporadas, foi sorteado e, juntamente com colegas de Pernambuco, atuará na partida Sport x Ponte Preta.

Escalar árbitros do mesmo Estado beneficia o time da casa?

Precisamos confiar na honestidade das pessoas e respeitar o seu trabalho. Se o quarteto de Pernambuco fosse escalado, seria a garantia de benefício ao Sport? Não! São profissionais que trabalham pelo acerto. Se eles não arbitrarem, não recebem. Então, buscam a melhor atuação para seguirem nas futuras designações.

Se um árbitro errar, ele sai das previsões?

Em algumas ocasiões, sim. Em outros casos, não. Às vezes, o currículo do árbitro é tão bom que não é justo punir por um equívoco pontual. A média das atuações levam os árbitros aos próximos jogos.

Anexos

  • Árbitros - Mesmo Estado