Brasileiras compõem primeira equipe de arbitragem 100% feminina da Conmebol Libertadores

Brasileiras compõem primeira equipe de arbitragem 100% feminina da Conmebol Libertadores

Edina Alves Batista comandará a partida entre Defensa y Justicia e Independiente del Valle, pela sexta rodada da competição continental

Edina Alves durante o Mundial de Clubes da FIFA 2020. Edina Alves durante o Mundial de Clubes da FIFA 2020.
Créditos: FIFA

A arbitragem brasileira será protagonista de mais um capítulo histórico do futebol sul-americano. Na próxima quinta-feira (27), a Conmebol Libertadores terá seu primeiro jogo comandado por uma equipe de arbitragem totalmente feminina. A brasileira Edina Alves Batista (FIFA-SP) será a árbitra principal do jogo entre Defensa y Justicia e Independiente del Valle, que também terá a auxiliar Neuza Inês Back (FIFA-SP). O trio de campo será completo por Cindy Nahuelcoy, do Chile.

Além do trio principal, todo o resto da equipe de arbitragem também será composto por mulheres. A quarta árbitra será María Belen Carvajal, do Chile. A analista de arbitragem será a argentina Sabrina Lois, enquanto a brasileiro Ana Paula de Oliveira atuará como analista de vídeo.

A equipe de arbitragem de Defensa y Justicia x Independiente del Valle:

Árbitra: Edina Alves Batista (BRA)
Auxiliar 1: Neuza Inês Back (BRA)
Auxiliar 2: Cindy Nahuelcoy (CHI)
Quarta Árbitra: María Belen Carvajal (CHI)
Analista de Arbitragem: Sabrina Lois (ARG)
Analista de Vídeo: Ana Paula de Oliveira (BRA)

Com mais este feito, Edina Alves e Neuza Back seguem quebrando barreiras para as mulheres na arbitragem. As duas estiveram no jogo entre CSA e Goiás, no Brasileirão de 2019, que marcou o primeiro jogo de uma mulher como árbitra na Série A do Campeonato Brasileiro em mais de 14 anos. Meses depois, as duas estiveram na Copa do Mundo da França, na qual comandaram a semifinal entre Estados Unidos e Inglaterra. Em fevereiro de 2021, as duas fizeram parte do primeiro trio 100% feminino a apitar uma partida de futebol masculino profissional da FIFA, durante o Mundial de Clubes de 2020.


Veja mais