Brasileirão A e B

13/01/2016 às 07:16 | Assessoria CBF

Projeto Gramados: CBF padroniza campos em 105 x 68

Créditos: Divulgação / CBF

A Diretoria de Competições da CBF iniciou a segunda fase do Projeto Gramados, criado para padronizar os campos dos 43 estádios das séries A e B. Todos os palcos vão ficar com as medidas da Copa do Mundo da FIFA: 105 metros de comprimento por 68 metros de largura. Os administradores – clubes, órgãos governamentais, federações e concessionárias – dos estádios atendidos receberão um certificado, válido até o fim de 2016.

No primeiro passo, de agosto a novembro do ano passado, foram feitas vistorias para levantar necessidades de ajustes topográficos, que dizem respeito à dimensão do campo, e de melhorias na qualidade do gramado. Este mês, começaram as alterações, com apoio técnico e instrumental da CBF.

Cada estádio recebe 20 marcos, instrumentos que são fincados no campo e servem para indicar, exatamente, os locais em que as linhas devem ser pintadas. Em alguns casos, traves de alumínio também estão sendo entregues para substituição das balizas de ferro.

A padronização foi uma das principais reivindicações feitas pelos técnicos no Seminário de Treinadores da Série A, realizado pela CBF, antes do Brasileirão 2015. De acordo com o diretor de Competições, Manoel Flores, a entidade está atenta às ideias e contribuições que vem recebendo da comunidade do futebol.

– Quando o técnico Levir Culpi [então no Atlético Mineiro] abordou o assunto, no seminário do ano passado, tivemos mais um incentivo para tirar o projeto do papel e transformar em realidade. Esse trabalho com os gramados é mais um detalhe que estamos aperfeiçoando para tornar as competições ainda mais atrativas para torcedores, clubes e patrocinadores – afirmou Manoel.

Essa segunda etapa da padronização é dividida em duas frentes: topografia (duas equipes com dois profissionais cada) e agronomia (quatro agrônomos). No apoio para melhorar da qualidade e ajudar na manutenção da grama, a CBF doa cortadores de grama e outros instrumentos para uso cotidiano.

Para garantir a uniformização do comprimento, largura, espessura das linhas e formas geométricas do campo, uma empresa credenciada pelo Inmetro faz as medições e marcações em todos os estádios. O investimento de R$ 2,2 milhões nessa primeira edição do Projeto Gramados foi feito pelo Fundo de Legado da Copa do Mundo da FIFA 2014 para o Brasil. Já está aprovada a continuidade até 2018.

Leia mais

Nossos patrocinadores